Sinal da Cruz01 - VivaJesusBr

A Trindade Santa e a Família Sagrada nos amam!
Estamos a 16 anos evangelizando! Obrigado! Janeiro mês do nosso aniversário!
Iniciado em: 15/01/2002
Neste endereço (domínio): 14/01/2006
Em 2018, novo visual!
Ir para o conteúdo
Santa Missa > Estudo da Liturgia
Sinal da Cruz I
Por: Vivaldo Armelin Júnior - Out./17

• Quando um leigo ou religioso faz o Sinal-da-Cruz na testa de outra pessoa é para abençoá-la, protegê-la e ampará-la ou até na busca de cura.
• Essa ação é comum em cada um dos Sacramentos, como o Batismo, Comunhão etc. Até hoje este sinal é realizado quando se dá a Unção dos Enfermos. Por fim, o Sinal-da-Cruz é feito a benção, para nos livrarmos de situações de risco, pânico e enfermidades.
• Nesse contexto, para afastar maus espíritos que possam querer ou estar interferindo na vida daquela pessoa. O uso do sal, óleo e a consagração da Hóstia é reservado apenas aos religiosos consagrados, sacerdotes, bispos... Nunca um leigo poderá fazê-lo.
• O Sinal-da-Cruz é um gesto sagrado, portanto não deve ser realizado por qualquer motivo ou brincadeira. Realizá-lo sem necessidade é desrespeitar a Deus e suas Leis e Ensinamentos, sejam os contidos no Antigo Testamento ou dos contidos no Novo Testamento.
• Evitar fazê-lo por motivos sem importância, banais e por brincadeiras.
 • É importante destacar que ao recitar o Sinal-da-Cruz, estaremos invocando o "Pai, o Filho e o Espírito Santo", também entrando em sintonia com o Céu, a morada de Deus.
• Durante a Liturgia ou outro Sacramento o Sacerdote ou Bispo faz o Sinal-da-Cruz em direção da assembleia, este sinal é uma bênção, consagração e santificação.
• É comum no final das missas o sacerdote abençoa a assembleia para que tenha um bom retorno ao seu lar, boa semana, saúde etc.
• Ainda, no final da Missa, ou melhor, logo após o final da Missa, o sacerdote poderá abençoar objetos, chaves, sinais da fé católica, para esse ato faz uma breve oração e em seguida o Sinal-da-Cruz em direção ao objeto, garrafa de água etc. Este poderá ser repetido várias vezes caso hajam muitos os que desejam receber a bênção.

Textos anteriores:
(Em ordem crescente)

Voltar para o conteúdo