São José01 - VivaJesusBr

A Trindade Santa e a Família Sagrada nos amam!
Estamos a 16 anos evangelizando! Obrigado! Janeiro mês do nosso aniversário!
Iniciado em: 15/01/2002
Neste endereço (domínio): 14/01/2006
Em 2018, novo visual!
Ir para o conteúdo
Família Sagrada > Estudo > São José

Texto de:
Vivaldo Armelin Júnior

São José!
02/05/2016

• É interessante que São José é pouco citado nas Sagradas Escrituras, mas tem um papel fundamental na vinda de Jesus e sua criação e ontem, 01 de maio, mais uma vez relembramos este homem que nunca deixou de trabalhar, de prover sua família quanto a alimentação, carinho, atenção, respeito e amor.
• Com todas as dificuldades que passou, nunca deixou de trabalhar, sempre se entregou à sua profissão para dela manter sua família, foi um profissional exemplar e exemplo para todos nós. Seu trabalho é recompensado pelo amor de seu Filho Jesus e da sua esposa Santa Maria. Foi honesto e horado, não tinha obstáculos que o impedissem de realizar seu trabalho, seja na Palestina e até mesmo no Egito, onde morou com sua família fugindo de Herodes.
• Comemorar o 01 de maio é homenagear este santo homem, nosso exemplo de vida e trabalho.
• Nas nossas dificuldades podemos pedir a São José que interceda junto a Filho Jesus para que nos socorra no desemprego, nas dificuldades diárias do trabalho, quando da exploração injusta e absurda dos patrões, que não nos deixe cair no caminho daqueles trabalhadores que agem desonestamente contra seus patrões prejudicando a todos por se importar só consigo.
• São José certamente te ouvirá e de maneira mais rápida o Filho responderás, pois é um pedido de seu pai terreno. São José está conosco os 365 dias do ano!
• Amém!




SÃO JOSÉ


• Infelizmente chegaram aos nossos dias pouquíssimas informações sobre São José, marido de Maria e pai de Jesus. O pouco que temos é tão importante que não deixa dúvida da importância deste homem.
• É José o ele de ligação entre o Novo e o Velho Testamento, pois sua genealogia, descrita por São Mateus aponta para reis e profetas. No entanto São José é pobre, marceneiro e bastante simples.
• Não se sabe a data de seu nascimento, apenas que foi durante o século I a.C.
• A genealogia de São José é bastante complexa e detalhada. São Mateus ordena com precisão todos antecedentes. Veja-a na página Genealogia.
• São José não foi apenas o pai terreno de Jesus, mas também um símbolo de bondade, amor, Fé, respeito, trabalho e dedicação. Como pai soube como ninguém educar o Filho de Deus, amar e respeitar Maria.
• Alguns pesquisadores afirmam que provavelmente José era viúvo quando se casou com Maria e já tinha filhos, mas infelizmente essas informações não passam de suposições criadas por alguns indícios. Sabemos que José se casou com Maria, já era uma pessoa com idade bem superior à dela. Alguns pesquisadores afirmam que poderia estar girando em torno de 40 ou 50 anos.
• Com José a previsão dos profetas se cumpriu e nasceu o Filho de Deus, o Salvador.
• José era um grande marceneiro e mesmo tendo que fugir para o Egito não deixou de trabalhar, pois a qualidade de seu trabalho lhe garantia clientes.
• Foi pai antes, durante e até a sua morte, não se sabe ainda quando, se Jesus era ainda criança, Jovem ou já adulto. A Bíblia não nos trás informações sobre esse fato.
• Protegeu Jesus do ataque de Herodes, soube educá-lo, como verdadeiro pai, entendeu sua missão e proporcionou boa formação educacional, pois a Bíblia nos apresenta informações que permitem ver que Jesus sabia ler e escrever, apesar de não nos ter deixado nenhum documento escrito, ou melhor, não ter sido até hoje encontrado nenhum documento escrito por Ele.
• Tudo que José nos ensinou como pai é um exemplo de Fé, de crença em um único Deus e de dedicação a Ele.

São José
Genealogia


1. Genealogia de Jesus Cristo, filho de Davi, filho de Abraão.
2. Abraão gerou Isaac. Isaac gerou Jacó. Jacó gerou Judá e seus irmãos.
3. Judá gerou, de Tamar, Farés e Zara. Farés gerou Esron. Esron gerou Arão.
4. Arão gerou Aminadab. Aminadab gerou Naasson. Naasson gerou Salmon.
5. Salmon gerou Booz, de Raab. Booz gerou Obed, de Rute. Obed gerou Jessé. Jessé gerou o rei Davi.
6. O rei Davi gerou Salomão, daquela que fora mulher de Urias.
7. Salomão gerou Roboão. Roboão gerou Abias. Abias gerou Asa.
8. Asa gerou Josafá. Josafá gerou Jorão. Jorão gerou Ozias.
9. Ozias gerou Joatão. Joatão gerou Acaz. Acaz gerou Ezequias.
10. Ezequias gerou Manassés. Manassés gerou Amon. Amon gerou Josias.
11. Josias gerou Jeconias e seus irmãos, no cativeiro de Babilônia.
12. E, depois do cativeiro de Babilônia, Jeconias gerou Salatiel. Salatiel gerou Zorobabel.
13. Zorobabel gerou Abiud. Abiud gerou Eliacim. Eliacim gerou Azor.
14. Azor gerou Sadoc. Sadoc gerou Aquim. Aquim gerou Eliud.
15. Eliud gerou Eleazar. Eleazar gerou Matã. Matã gerou Jacó.
16. Jacó gerou José, esposo de Maria, da qual nasceu Jesus, que é chamado Cristo.
17. Portanto, as gerações, desde Abraão até Davi, são quatorze. Desde Davi até o cativeiro de Babilônia, quatorze gerações. E, depois do cativeiro até Cristo, quatorze gerações. Nascimento de Jesus.
Nascimento de Jesus
18. Eis como nasceu Jesus Cristo: Maria, sua mãe, estava desposada com José. Antes de coabitarem, aconteceu que ela concebeu por virtude do Espírito Santo.
19. José, seu esposo, que era homem de bem, não querendo difamá-la, resolveu rejeitá-la secretamente.
20. Enquanto assim pensava, eis que um anjo do Senhor lhe apareceu em sonhos e lhe disse: José, filho de Davi, não temas receber Maria por esposa, pois o que nela foi concebido vem do Espírito Santo.
21. Ela dará à luz um filho, a quem porás o nome de Jesus, porque ele salvará o seu povo de seus pecados.
22. Tudo isto aconteceu para que se cumprisse o que o Senhor falou pelo profeta:
23. Eis que a Virgem conceberá e dará à luz um filho, que se chamará Emanuel (Is 7, 14), que significa: Deus conosco.
24. Despertando, José fez como o anjo do Senhor lhe havia mandado e recebeu em sua casa sua esposa.
25. E, sem que ele a tivesse conhecido, ela deu à luz o seu filho, que recebeu o nome de Jesus.

São José
O Trabalhador

• Falar de São José é extremamente simples, por ter sido um ser humano notável, um pai primoroso e um crente fervoroso. Por incrível que pareça, não é tão simples assim falar de José. Deus nos deixou poucas informações sobre esse descendente do Rei Davi, como consta do Antigo Testamento. José, como todo mundo já sabe, é um dos grandes filhos de Deus, escolhido para ser o pai terreno de Jesus, aquele a quem Deus colocou em suas mãos seu único Filho.
• José era um pedreiro ou carpinteiro? Não importa se a tradução do Novo Testamento foi feita de maneira “errada” ou mal interpretada, o importante é entender que José, da linhagem de Davi, portanto um príncipe, fazia humildemente seu trabalho com madeira ou pedra.
• Sua maior preocupação com o trabalho era a de conseguir manter sua família, por esse motivo trabalhava o que fosse necessário, descansando apenas aos sábados e festas. Nesses dias o seu trabalho era para com Deus, não tinha, portanto, rendimento material, mas sim espiritual, sendo um exemplar seguidor da religião judaica e a fé em Deus. Era circuncisado, como foi depois Jesus.
• Trabalhava provavelmente em sua própria casa, durante mais de doze horas por dia, como era costume da época, inclusive nos domingos, o primeiro dia da semana. Não é sabido se tinha auxiliares ou empregados, mas com certeza foi essa profissão que ensinou a seu Filho Jesus. Provavelmente essa foi a profissão exercida por Jesus entre os doze e trinta anos, quando iniciou sua vida pública.
• José trabalhou em Nazaré, depois no Egito, retornou para Nazaré e lá se estabeleceu. Como Nasceu em Belém, provavelmente foi lá que aprendeu sua profissão com seu pai, avô de Jesus.
• São muitas as suposições, porque nem mesmo nos textos apócrifos existem informações mais consistentes sobre sua vida. Supostamente tinha idade mais avançada do que Maria, poderia até ser viúvo, como é sugerido por alguns estudiosos e pesquisadores, portanto já trabalhava antes mesmo de desposar Maria, o mais provável ter iniciado sua profissão por volta dos oito anos de idade.




São José
O Homem

Ago./15

• São José, o pai adotivo de Jesus não fez milagres em vida, não fez profecias, no entanto foi escolhido Pai de Jesus na terra.
• Como sua esposa Maria, a Nossa Senhora, foi agraciado por Deus. Tanto José, bem como Maria, foram humanos diferenciados, não apenas por serem agraciados, mas principalmente por Deus ter confiado em ambos.
• Que privilégio, condição única de experiência de vida, do amor de Deus e de exemplo.
• São José, humano, da linhagem de David, teve sua vida mudada ao aceitar Maria como esposa, porém, com uma grande responsabilidade, educar o Filho de Deus com amor, carinho, dedicação e vontade, ou seja, São José entregou sua vida para a sua esposa e Filho.
• São José e sua Santa Esposa são privilegiados ao intercederem por nós, pois são ouvidos e atendidos pelo Filho, Nosso Senhor Jesus Cristo portanto por Deus.
• São José cuide de nós pecadores e mortais, curando-nos por sua intercessão e seu amor paterno.




São José!
14/08/2016
 
• São José é parte do mistério de Deus para a encarnação de seu único Filho, uma coisa é certa, Deus não queria que seu Filho só tivesse na terra a mãe, por essa razão escolheu uma pessoa que fazia parte da linhagem de Davi.
• Casado com Maria, José foi pai, guardião, educador e formador, um pai adotivo, o mais importante, escolhido pelo próprio Deus e por Jesus. Vejam como é bonita ação de Deus, Jesus pode escolher quem seria sua Mãe e seu Pai aqui no planeta Terra, condição impossível para qualquer um de nós humanos.
• Sem José com certeza Jesus teria outro tipo de educação, Maria seria mais uma mãe solteira e teria problema por causa da cultura judaica sobre a gravidez fora do casamento.
 • Seu papel é o de pai, mas também de evangelização, pois foi ele quem educou Jesus para sua missão aqui em nosso planeta. A vida de Jesus durante a fase de evangelização tem toda a formação proporcionada por seu Pai aqui na terra, vale lembrar que José foi um grande e dedicado às coisas de Deus, frequentava os cultos, conhecia as escrituras e foi o maior seguidor e obediente às designações de Deus.




São José!
21/08/2016

• São José é um filho de Deus agraciado e muito especial, afinal das contas Deus o escolheu para ser o pai de seu Filho em nosso planeta.
• É o único santo que durante a Quaresma faz com que no dia 19 de março, data de sua festa, os sacerdotes durante a Liturgia, retiram as vestimentas roxas e vestem as brancas, retornando ao roxo no dia seguinte. Esse é o reconhecimento da Igreja para com São José, aquele que se casou com Maria, a Mãe de Jesus.
• São José foi Pai e como Pai teve o respeito de seu Filho Jesus. São José, como a Santa Maria, ao interceder por nós junto a seu Sagrado Filho tem seu pedido atendido, pois o Filho atende o pedido do Pai.
• Era um homem humilde, honesto, trabalhador, de fé e justo, não foi apenas o pai de Jesus, mas também, professor, segurança e o maior amigo.
• E por que será que nem todos os pais seguem seu exemplo?




Voltar para o conteúdo