Quem foram01a - VivaJesusBr

Ir para o conteúdo
Apóstolos
Texto13 São Padro 07 Texto12 São Padro 06 Texto11 São Padro 05 •
Texto10 São Pedro 04 Texto09 São Pedro 03 • Texto08 São Pedro 02 •
Texto07 São Pedro 01 • Texto06 Texto05 Texto04 Texto03 Texto02 Texto01
Quem Foram 13
São Pedro - 07
Por: Vivaldo Armelin Jr. - Abr./20
• O Apóstolo escolhido por Jesus para ser o líder de sua Igreja é o mais citado nos Evangelhos, não seria por acaso, mas sim porque ele é o escolhido, aquele que liderará a Igreja. Na época, a Igreja era extremamente pequena e pouco podia oferecer a seus fiéis, no máximo garantir a integridade de seus seguidores da perseguição. Aconteceu que seus integrantes eram extremamente solidários, como Jesus ensinou e os Apóstolos repassaram por meio da evangelização. Essa atitude compensava os perigos.
• Pedro e os demais Apóstolos deixaram tudo que tinham para seguir Jesus, bens, familiares, sua morada e região, passaram a viver pelo mundo, como foi orientado por Jesus. Pedro também viajou muito e sua viagem final foi para a “capital do mundo”, Roma, onde foi martirizado na cruz.
• A fé de Pedro era muito grande e sabia como orientar os Apóstolos, discípulos e seguidores. Nenhum Apóstolo ou discípulo, na dúvida ou diante de uma polêmica, era a Pedro que recorria, como fez Paulo e outros. Amém! São Pedro protegei-nos desta pandemia! Amém!
Quem Foram 12
São Pedro - 06
Por: Vivaldo Armelin Jr. - Abr./20
+ É interessante o fato de muitas pessoas não entenderem as Sagradas Escrituras e seus exemplos e ensinamentos, o exemplo está bem próximo de todos e todas que leem as Escrituras quando Pedro deseja caminhar sobre as águas como Jesus o fazia. Pedro, por sua falta de fé afunda nas águas (Jo 6,16-21 e Mt 14,22-36), uma condição muito comum a todos nós, seres imperfeitos e fracos. Não somos Pedro, pois ele foi exemplo, mas humano e teve o privilégio de ser eleito por Jesus, o Filho de Deus.
 
+ Pedro aprendeu a ser humilde e se submeter às vontades da Santíssima Trindade, foi o líder, o primeiro chefe da Santa Igreja de Jesus Cristo, mas humano. Podemos ter uma certeza, aquele que só deseja o mal o tentou, mas foi derrotado. Pedro, o escolhido, partiu para evangelizar, enfrentar a violência dos incrédulos, dos interesses pessoais e mesquinhos de muitos privilegiados socialmente e do poder, todavia, manteve a humildade ensinada por Jesus durante os seus três anos de evangelização. Jesus o preparou para a chefia de Sua Igreja.
 
+ Pedro é entre os Apóstolos tido como o exemplo e sem sua aprovação nada era feito ou explicado.
Quem Foram 11
São Pedro - 05
Por: Vivaldo Armelin Jr. - Fev./20
• Pedro também era fraco, quando negou Jesus, mas com essa atitude são pode se arrepender humildemente. Uma fraqueza comum a todos nós mortais. Em vários momentos Pedro demonstra seu imenso amor a Jesus, mesmo quando Jesus o interroga, perguntando: - "Pedro, tu me amas?", repetindo por mais duas vezes a mesma pergunta.
 
• Existem explicações variadas, mas a do Vaticano, com o Magistério da Santa Igreja, estas três perguntas é uma forma de "perdão" pelas três negações de Pedro.
 
• Seu caminho a seguir veio de Jesus, nos ensinamentos, nos momentos de repreensão, durante os milagres, expulsão do maligno etc. São Pedro, rogai por nós.
Quem Foram 10
São Pedro - 04
Por: Vivaldo Armelin Jr. - Fev./20
• Jesus foi preparando cada uma de seus Apóstolos, discípulos e seguidores, mas Pedro era preparado para ser a pedra fundamental de Sua Igreja. Pedro, um ser humano que seguidor de Jesus Cristo, foi por diversas vezes testado e até "errou", errou ao negar Cristo por três vezes, (leiam as passagens Lc 22,23 e Lc 22,61-62), essa queda à realidade fez de Pedro um homem mais humilde e menos arrogante, uma de suas características pessoais. O arrependimento veio com o choro e seu pedido de perdão.
 
• Com toda certeza Jesus já sabia o que iria acontecer, e que, todos esses acontecimentos deveriam ocorrer para atender aos desígnios de Deus.
Quem Foram 09
São Pedro - 03
Por: Vivaldo Armelin Jr. - Fev./20
• Pedro era um homem que tinha nas suas vontades a sua força, quando necessário as impunham, impulsivo e decidido, mas não era um ditador, sem uma formação mais ampla que o caracterizava como uma pessoa ingênua, , mas também sincero, segundo alguns estudiosos o definem como uma pessoa medrosa.
• Outra característica de Pedro, prestar atenção nos ensinamentos de Jesus, confiava plenamente em Jesus, o Messias prometido, mas também humano, portanto, Pedro, também errava. Com o tempo passou a coordenar o grupo que seguia Jesus, não apenas os Apóstolos, mas também dos seguidores, discípulos e das mulheres.
• Um exemplo de sua humanidade consta nas passagens da Bíblia (Mt 14,22-36 e, Jo 6,16-21), uma lição não apenas para Pedro, também para os demais Apóstolos, que testemunharam tudo. Pedro pediu a Jesus que caminhasse sobre as águas, mas sua insegurança o fez afundar. Um exemplo também para nós, a confiança em Deus ceve ser a nossa razão de viver. Amém!
Quem Foram 08
São Pedro - 02
Por: Vivaldo Armelin Jr. - Fev./20
• São Pedro era filho de João (Jo 1,42), nasceu em Betsaida, na Galileia. Morava em Cafarnaum com sua esposa às margens do mar da Galileia. Um pescador que trabalhava com seu irmão André e os filhos de Zebedeu, Tiago Maior e João. Como já foi dito, seu nome era Simão, mas Jesus o denominou como Pedro, a pedra e rocha (Lc 22,32).
• Foi apresentado a Jesus por seu irmão André, que era discípulo de São João Batista. Pedro tinha em sua mente um Jesus diferente, um libertador que iria expulsar os invasores romanos, com a vivência ao lado de Jesus Cristo passou a entender o seu papel neste mundo, um dedicado "aluno" dos ensinamentos vindos Dele. Passou a segui-lo com toda dedicação e intensidade, sabendo que estava atendendo ao pedido de Deus Pai.
• Seguir Jesus é ter São Pedro como nosso Papa, o primeiro, exemplo de vida e amor a Deus, o Pai, o Filho e o Espírito Santo.
Quem Foram 07
São Pedro - 01
Por: Vivaldo Armelin Jr. - Nov./19
• São Pedro, nome de nascimento, Simão, ganhou de Jesus este nome, que significa rocha, a pedra fundamental da Igreja. Participou do Concílio de Jerusalém, no ano 49. Viajou para Antioquia, na atual Síria, onde pregou, batizou e converteu.
• Pedro foi para Roma e por um bom tempo evangelizou, batizou, converteu e dirigiu a Igreja de Jesus, mas no ano 67 foi preso, julgado e condenado à morte, quando foi martirizado, segundo a Tradição, crucificado de cabeça para baixo.
• É encontrado, nos escritos de Clemente de Roma, por volta do ano 96, informações sobre Pedro e Paulo, testemunhando suas ações em favor da Igreja e dos cristãos, confirmando que ambos foram martirizados em Roma.

Quem foram? VI
Por: Vivaldo Armelin Júnior - Jul./2019

• Em vários momentos os Apóstolos, incluindo Maria Madalena, não reconhecem Jesus Cristo ressuscitado (veja em: Jo 20,15; Jo 21,4; Lu 24,13-35), por que será que isso aconteceu? Sabe-se que Jesus deveria estar diferente quando apareceu a estes Apóstolos, condição que os impediu de identificá-lo.
• Jesus, já morto e sepultado, durante os acontecimentos da ressurreição foi elevado aos Céus em corpo e alma, prova disso é o Santo Sudário. Apesar de os Apóstolos, como Tomé que o tocou, esse corpo não é mais o corpo terreno, não há uma explicação científica para este acontecimento.
• Outra questão importante, nos mortais temos grande dificuldade em aceitar a morte, quanto mais a ressurreição, imaginemos, pensando na época, o susto que levaram aqueles apóstolos ao reconhecerem Jesus Cristo. Inclusive Maria Madalena, que esteve bem próxima a Jesus e sua Santa Mãe Maria. Mesmo ela que teve por Jesus expulso demônios que controlavam seu corpo físico. Ela sabia e reconhecia o poder de Jesus, mas vê-lo "vivo" à sua frente deve ter sido um choque e uma alegria imensa, era o Mestre a sua frente. Não deve ter sido diferente com os Apóstolos, como Pedro que saltou no mar, nu, ao reconhecer Jesus Cristo na praia.
• Jesus chegou a comer com os Apóstolos. O mais impressionante é que o corpo tem todas as marcas ocorridas durante a prisão, o trajeto para a cruz e na cruz. Naquele momento não é um espírito apenas, é Jesus reencarnado, mas vivendo no mundo do Pai. Trata-se de um corpo físico sim, mas glorioso e inexplicável, ou seja, um Mistério. Só Jesus, sendo parte da Trindade Una, pode materializar-se, nenhum outro mortal pode fazê-lo. O mais incrível é que ele pode aparecer em corpo e alma no nosso meio, não com a aparência que tinha quando em vida, mas com a aparência que desejar! Não há explicação para estes acontecimentos, portanto continuam sendo um grande Mistério!

Quem foram?
Por: Vivaldo Armelin Júnior

  • Os mais próximos seguidores de Jesus foram os Apóstolos, haviam também os discípulos e outros seguidores e seguidoras, inclusive a Mãe de Jesus, Nossa Senhora.

  • Todos os Apóstolos, com exceção de Mateus, que era um cobrador de impostos e vivia com mais conforto, os demais eram pequenos pescadores e pessoas humildes. Eram parte do povo explorado pelos invasores romanos. Não tinham grandes pretensões até conhecerem Jesus, quando passaram a se preocupar com os demais irmãos.

  • Saíram pelo mundo para pregar de acordo com que lhes ensinará Jesus Cristo. Em algumas localidades foram bem recebidos e em outras até apedrejados.

  • A maioria dos Apóstolos foram martirizados por serem cristãos e não aceitarem outros deuses pagãos. Os maiores perseguidores foram os romanos, mas também os líderes e sacerdotes judeus, não o povo judeu, pois muitos eram seguidores de Jesus.

  • Viajaram pelo mundo, como Europa, Ásia e África pregando em nome de Jesus. Os dois outros Apóstolos que se juntaram ao grupo após a morte de Jesus foram Matias e Paulo. O primeiro segundo apontam os estudos conheceu Jesus e era um de seus seguidores.

  • A maior virtude de cada um deles foi a humildade e a entrega pela fé em Nosso Senhor Jesus Cristo. Não tinham medo, mas se preocupavam com os irmãos perseguidos, agredidos com violência e até mortos.

Quem foram? II
Por: Vivaldo Armelin Júnior - 2013

• Os Apóstolos, pessoas humildes e do povo, a maioria pescadores, tinham uma vida padrão para a época, trabalhavam muito e tinham suas famílias. Porém, quando eles conheceram Jesus tudo mudou.
• João batista, primo de Jesus, filho único de Isabel, prima de Maria, anunciou a chegada de Jesus ao povo judeu, por essa razão batizava nas águas do Rio Jordão.
• Tinha, portanto, seus seguidores e quando João Batizou Jesus estes puderam conhecê-Lo.
• João era o único que sabia quem era Jesus e de onde veio. Os Apóstolos só vieram a conhecê-Lo após o batizado no Rio Jordão.
• É oportuno destacar que diferentemente de João Batista, os Apóstolos podiam até conhecer Jesus antes de sua vida pública, mas não O conheciam como filho de Deus, privilégio apenas de João Batista.
• Qual a relação de João Batista e os Apóstolos? Foi João quem O anunciou prevendo a sua vida pública e os Apóstolos o anunciaram após sua paixão, morte e ressurreição.
• Como João Batista, todos tinham vida humilde e simples. É preciso fazer uma exceção para Mateus, que era coletor de impostos, portanto era bem de vida e tinha posses, que também abandonou tudo por Jesus.

Quem foram? III
Por: Vivaldo Armelin Júnior - Fev./2014

• Cada um dos Apóstolos de Jesus Cristo tem sua personalidade própria, comum a qualquer ser humano.
• Todos trabalhavam normalmente e tinha alguns que eram casados. Tudo normal até conhecerem Jesus.
• Nesse segundo texto apresentaremos a vida de Simão, aquele que foi chamado de Pedro por Jesus.
• Pedro nasceu em Batsaida, na Palestina, mas não mais residia em sua terra natal, morava em Cafarnaum, na Galileia.
• Sua profissão, pescador. Era um excelente pescador e tinha como sócio seu irmão André, quem o apresentou a Jesus.
• Homem de pouco estudo, mas dominava a escrita, condição que o permitiu mais tarde ser um dos evangelistas (aqueles que escreveram os Evangelhos).
• De temperamento impulsivo e explosivo. Tinha pouca paciência, mas era uma pessoa amorosa e que sabia respeitar seus semelhantes.
• Tinha dificuldade para entender os ensinamentos por parábolas vindos de Jesus, mas superava todas as dificuldades pelo amor ao Filho de Deus.
• Negou Jesus por três vezes (Mc 14.71).
• O mais importante era um grande líder, por essa razão foi eleito por Jesus para ser o fundador de sua Igreja.
• Pedro, como a maioria dos Apóstolos viajou muito para converter os filhos de Deus fora da Palestina.
• Em Roma foi recebido por Paulo de Tarso e apresentado aos cristãos romanos. Ambos foram perseguidos e martirizados.
• É considerado o primeiro Papa da Santa Igreja de Jesus.
• Faleceu em Roma, martirizado na cruz e a seu pedido de cabeça para baixo.
• Foi sepultado nas cavernas do morro do Vaticano. Sobre seu túmulo foi erguida a Basílica de São Pedro, no Vaticano, em Roma, na Itália.

Quem foram? IV
Por: Vivaldo Armelin Júnior - Mar./2014

• Todos os Apóstolos de Jesus partiram para levar a Palavra para o mundo. Todos eles acabaram presos e martirizados.
• A violência contra os Apóstolos é fácil de explicar, as religiões pagãs eram todas uma fonte de riqueza para todo governante e uma forma de mantê-los no poder.
• Essa situação é vivida até os nossos dias, quando em vários países radicais e extremistas perseguem e matam cristãos.
• Os Apóstolos e os 72 discípulos não tiveram medo, pois sabiam que estavam abrindo as portas para a salvação, afinal das contas todos conheceram Jesus.
• Paulo não conheceu e nem viveu ao lado de Jesus, mas teve numa aparição sua conversão.
• Pela fé todos levaram a Palavra, pelo amor a Jesus todos converteram, pela Palavra todos batizaram e pela conversão todos amaram.
• Cada um ao converter e batizar ganhou um grupo de seguidores e discípulos. Esse grupo os ajudavam na divulgação da palavra e também na proteção do Apóstolo.
• Foram presos, agredidos, ofendidos, humilhados, difamados, no entanto nunca desistiram.
• Seguiram seus caminhos até no momento da morte por martirização.

Quem foram? V
Por: Vivaldo Armelin Júnior - Nov./2015

• Cada um dos Apóstolos e Discípulos que conviveram com Jesus, somados a outros como Paulo, Matias e as mulheres, Santa Maria, Mãe de Jesus, Maria Madalena, entre outras, passaram a evangelizar e converter muitos ateus, crentes em deuses de pedra etc.
• Como Jesus os orientaram. Lembrando que Jesus também os alertou sobre a perseguição que sofreriam.
• Com Deus eles partiram para o mundo, levando as Palavras de Jesus, sem medo e com muita vontade.
• Esse grupo não perdeu o contato com Pedro, que a distância, os orientavam sobre questões envolvendo a doutrina.
• Essas pessoas enfrentaram a fome, frio e é claro, as perseguições.
• Será que nós seguimos estes exemplos?

Voltar para o conteúdo