N. Sra. Dolor/N. Sra. do Rosár - VivaJesusBr

A Trindade Santa e a Família Sagrada nos amam!
Estamos a 16 anos evangelizando! Obrigado! Janeiro mês do nosso aniversário!
Iniciado em: 15/01/2002
Neste endereço (domínio): 14/01/2006
Em 2018, novo visual!
Ir para o conteúdo
Família Sagrada > Denominações N.Sra. > Denominações
  1. N. Sra. Dolorosa do Colégio: Este dogma tem início no século XX, mais precisamente no dia 20 de abril de 1906, em Quito, Equador. Conta a história que no Colégio Jesuíta alguns alunos foram surpreendidos ao olhar para a imagem de N. Sra. das Dores e verem seus olhos abrir e fechar calmamente. O diretor do colégio foi chamado e também foi agraciado com a visão. o fato foi muito pesquisado e a própria ciência afirmou que era inexplicável aquele acontecimento que durou quinze minutos. Comemoração 20 de abril.

  2. N. Sra. do Manto Santo: Esta devoção surge na Europa e esta associado ao manto que a Virgem Mãe usa para "agasalhar, proteger e amparar" seus filhos terrenos. A Santa é normalmente invocada com esta devoção nas situações em que o risco, ameaça, perigo etc. Comemoração: ?.

  3. N. Sra. do Mar: Iugoslávia. Comemoração: ?. A mesma que N. Sra. de Tersato.

  4. N. Sra. do Milagre de Salta: Esta devoção teve início em 1592, marinheiros do Porto de Callao avistaram duas caixa flutuando. Logo foi dado o alarme, pois estas caixas poderiam ser destroços de um naufrágio. Quando retiraram as caixas do mar observaram inscrições nas duas caixas. Estas inscrições identificavam o destino das caixas. A primeira era destinada ao Convento dos Pregadores da cidade de Córdoba, na qual se encontrava a imagem de N. Sra. do Rosário. Na segunda, onde estava a imagem de Jesus Cristo Crucificado, era destinada à igreja Matriz de Salta, ambas na Argentina. Quando chegou à Argentina, segundos diversos relatos, muitos milagres ocorreram. O maior deles foi em 1692 quando a cidade de Salta sofreu um grande terremoto. Comemoração: 15 de setembro.

  5. N. Sra. do Monte

  6. N. Sra. do Monte Bérico: Conta a história e a tradição que em Monte Bérico, em Vicenza, na Itália, no ano 1426, que uma senhora estava rezando naquele monte. Durante suas orações Nossa Senhora apareceu e lhe falou que estaria protegendo a localidade da grande epidemia que assolava a região. O lugarejo não foi castigado pela epidemia, mas apenas dois anos após o fim da doença é que foram construir a igreja em homenagem à Santa Mãe naquele monte. Os milagre que ocorreram naquele local trouxe muitos peregrinos. Comemoração: ?.

  7. N. Sra. do Monte Carmelo

  8. N. Sra. do Monte Carmelo de Aylesford

  9. N. Sra. do Monte Oliveto

  10. N. Sra. do Monte Serrat: Esta devoção não tem ligação com aparição da Santa Mãe, mas sim com a pequena capela que existia no Monte Catalunha, na Catalunha, Espanha, isso no século IX. Naquela época foi introduzido o ícone de Maria ou como é conhecida na região Virgem Morena. Com a grande procura é construído um Santuário em homenagem à Mãe do Céu e ao lado dele um Mosteiro. O local que já era bem procurado por devotos passou a ter um número bem maior de visitantes. Comemoração: 27 de abril.

  11. N. Sra. do Ninho: França. Comemoração: ?.

  12. N. Sra. do Ó: Denominação variante da devoção de Nossa Senhora da Expectação e Nossa Senhora do Bom Parto. A devoção à N. Sra. do Ó tem início por volta do século VII homenageando a chegada do Filho de Deus. As imagens desta devoção geralmente são de Maria grávida. Comumente lembrada por mulheres grávidas. Comemoração: 08 ou 18 dezembro.

  13. N. Sra. do Olmo: Mais uma vez a Mãe de Jesus intercede em favor do ser humano. Segundo relatos em 1530, em Thiene, Vêneto, Itália. uma grande nuvem de gafanhotos arrasa a plantação. A dificuldade em encontrar pastos para alimentar as ovelhas levou três crianças pastoras a andarem mais. Num determinado local, onde havia um olmo (planta nativa) pararam por haver vegetação para alimentar as ovelhas. De repente começa a surgir sobre o olmo a imagem da Santa. Nossa Senhora diz as crianças que aquele ataque havia ocorrido devido aos pecados cometido pela população local. Também as orientou para dizer à população que bastasse se converter e  então Ela intercederia junto a seu Filho Jesus, para isso deveriam construir um Santuário naquele local. Quando retornaram para casa procuraram o governador, mas esse não acreditou nas crianças. Em três datas a Virgem Mãe apareceu e deixou nova mensagem, mas em nenhuma das vezes sensibilizou o governador. No entanto a população passou a acompanhar as três crianças. Em uma quarta aparição Nossa Senhora cura um paralítico e o orienta a falar com o governador. Vendo o homem curado de imediato este ordena a construção do Santuário. Encontramos também informações sobre esta devoção Castelferrus, na França, mas não obtivemos mais detalhes. Comemoração: ?.

  14. N. Sra. do Pampa: Esta devoção é bem recente e está relacionada a uma comunidade Carmelita, na Argentina. Para que os habitantes da região, indígenas principalmente, criaram uma imagem de N. Sra. com feições daquele povo e dos espanhóis. Comemoração: 16 de outubro.

  15. N. Sra. do Paraíso: Esta devoção está associada à oportunidade de um dia sermos levados para o paraíso. De acordo com informações por nós obtidas esta é uma devoção muito antiga. Associar N. Sra. ao paraíso é uma maneira de estar próximo de seu Sagrado Filho, Jesus.

  16. N. Sra. do Parto

  17. N. Sra. do Patrocínio: No século XVI, na Espanha, foi invadida pelos muçulmanos. Os invasores usavam da violência, do roubo e o desrespeito às Leis de Deus. O povo espanhol colocou sua vida nas mãos de Nossa Senhora que patrocinaria a proteção, daria auxílio e ampararia a todos. Quando os muçulmanos foram derrotados o povo passou a venerar Nossa Senhora com a denominação Patrocínio. Foi então adotada como protetora do exército espanhol, além do povo. Em 1656 o Papa Alexandre VII a festa dedicada ao Patrocínio de Maria. Comemoração: 15 de agosto.

  18. N. Sra. do Pé de Prata: Tour, França. Peregrinações: 15 de março.

  19. N. Sra. do Perpétuo Socorro: Esta devoção tem início em um ícone datado do século XIV que estava numa igreja na Ilha de Creta. Um ícone é uma pintura que muitos acham que foi feita por São Lucas. Esta pintura ou ícone tinha a fama de ser uma imagem milagrosa. O fato é que existem milhares de registros comprovando milagres. Com as viagens do missionários Redentoristas a divulgação dos milagres se espalharam pelo mundo. Este ícone já foi roubado, em Roma a igreja onde estava exposto sofreu um incêndio, entre outros fatos e acontecimentos.  Comemoração, 27 de junho.

  20. N. Sra. do Pilar: Como devoção esta denominação tem início nos primórdios do cristianismo, por volta de 39 ou 42. Conta-se que o Apóstolo de Jesus, Tiago, foi pregar na Espanha, nessa época Nossa Senhora já havia falecido e levada em corpo e alma para o Céu. Tiago pregava quando teve a visão da Santa Mãe que o auxiliava na pregação. Sua aparição ocorreu em Saragoça, na Espanha, por volta de 39 e 42. Esta é uma das Tradições Católicas onde temos a intervenção da Santa. Uma imagem da santa foi colocada sobre uma coluna, ou melhor, um pilar. Saragoça, Espanha. Comemoração: 12 de outubro. Chartres, França. Comemoração: 12/10.

  21. N. Sra. do Pilar Saragossa

  22. N. Sra. do Pópulo

  23. N. Sra. do Portal: Auzon, França. Peregrinação: 15 de agosto.

  24. N. Sra. do Porto: Clermont-Ferrand, França. Comemoração: 15 de maio.

  25. N. Sra. do Pranto: Segundo a história no ano de 1924, na Itália, a Irmã Elizabeth, pertencente a Ordem Marcelina, que estava gravemente enferma de uma doença incurável, teve a visão de Nossa Senhora. A Santa carregava o Menino Jesus em seu colo e esta estava chorando. Dirigindo-se a Irmã a Santa disse para que rezasse muito pela sua cura. Numa segunda aparição, juntamente com o Menino Jesus com lágrimas nos olhos a Santa deixa uma mensagem de que seu filho não era devidamente amado, invocado e desejado pelas pessoas, muitas religiosas. A Irmã teve atendido seu pedido. Logo em seguida passou a divulgar a mensagem da Mãe do Céu. Comemoração: ?.

  26. N. Sra. do Prompt Succor (Pronto Socorro): A mesma que N. Sra. do pronto Socorro (vide).

  27. N. Sra. do Pronto Socorro: New Orleans, EUA. Comemoração: ?.

  28. N. Sra. do Quinche

  29. N. Sra. d'Oropa: Oropa, Piemonte, Itália. Peregrinação: 15 de agosto, 08 de setembro e 21 de novembro.

  30. N. Sra. do Resgate

  31. N. Sra. do Rocio: Andaluzia, Espanha. Comemoração: ?. Paraná, Brasil. Comemoração: 2º domingo de novembro.

  32. N. Sra. D’Oropa: Vide de N. Sra. da Oropa.

  33. N. Sra. do Rosário: - Foi provavelmente na época das cruzadas à Terra Santa, mais precisamente em Prouille, na França, no ano 1208. Uma oração que surgiu pela devoção e amor a Nossa Senhora. Foi São Beda, o Venerável, quem "criou" o rosário, a correntinha com pequenos grãos, mais tarde, substituídos por contas. Numa aparição Nossa Senhora diz a São Domingos como uma reza eficiente, principalmente na luta contra os hereges albigenses. Rosário vem do nome da flor (rosa) e em significado geral é o cordão de rosas oferecidas à Nossa Senhora. O Papa Pio X foi que fixou a data de 07/10 para a comemoração e homenagem a Nossa Senhora do Rosário. É a Mãe de Deus, Nosso Senhor Jesus Cristo, para quem Ela reza e nos convidam para fazermos o mesmo. Comemoração: 07 de outubro.

  34. N. Sra. do Rosário da Guatemala

  35. N. Sra. do Rosário de Pompéia: Itália. Vide N. Sra. de Pompéia.

  36. N. Sra. do Rosário de San Nicolás

Voltar para o conteúdo