Eucaristia - VivaJesusBr

A Trindade Santa e a Família Sagrada nos amam!
Estamos a 16 anos evangelizando! Obrigado! Janeiro mês do nosso aniversário!
Iniciado em: 15/01/2002
Neste endereço (domínio): 14/01/2006
Em 2018, novo visual!
Ir para o conteúdo
Sacramentos > Quais são?

• O recebimento da Eucaristia nos permite receber plenamente a Santíssima Trindade, confirmando a nossa Fé em Jesus Cristo e seu Pai. O mais importante é o ato de receber o corpo e o sangue de Jesus Cristo.
• Quando aceitamos o Corpo e o Sangue de Jesus Cristo, também aceitamos os caminhos da evangelização, do amor e da Fé, rejeitando tudo aquilo que se oponha ou vá contra as Leis de Deus Pai e Filho.
• A Eucaristia é também o recebimento dos valores do reino de Deus, como todos os mistérios e Leis, principalmente às Leis dos Mandamentos de Deus entregues a Moisés
• Para receber a Eucaristia há uma preparação inicial, que é facultativa dependendo da situação e do momento, denominada Catecismo (ensino dos Dogmas e Preceitos da Fé Cristã e da Verdadeira Igreja de Jesus e Deus).
• Quando dissemos que o Catecismo é facultativo, não estamos afirmando que qualquer pessoa possa dispensá-lo. Na realidade, o que define sua necessidade, como foi citado, é a situação e o momento, por exemplo, um ateu que se converte a Fé em Jesus Cristo, mas está a beira da morte, poderá receber a Eucaristia de um religioso ou religiosa, ou até mesmo, de um leigo quando as condições forem impróprias e que impeçam a presença de um religioso(a). • Um exemplo é a situação de ula catástrofe e pessoas isoladas aceitam a Deus Pai e Filho, quando um leigo Cristão poderá entregar a Eucaristia e aceitar a conversão.

É o ato de Deus de repartir o Pão da Vida, o corpo de seu Filho único e desta forma nos doa Jesus. É o corpo de Cristo que alimenta plenamente nossa alma ou espírito.
Este Sacramento nos permite receber o Corpo de Cristo e abençoado pelo amor de Deus.  Por este motivo é que este Sacramento é tão importante, não mais que os outros, mas o que realmente nos purifica, pois por instantes podemos ter uma parte de Jesus, sua Carne e Sangue.
Durante a Consagração Eucaristia o pão se torna o Corpo de Cristo e o vinho o seu Sangue e que nos alimentará espiritualmente. Na Última Ceia, Jesus Cristo pega o pão e oferece aos seus discípulos dizendo que aquele era o seu Corpo. Repete o ato com o vinho e dizendo que aquele é o seu Sangue, a nova e eterna aliança. Este processo é conhecido como Transubstanciação, ou seja, após a consagração já não é mais pão e nem vinho, resta apenas a aparência.
A Consagração Eucarística durante a Missa é a repetição do Sacrifício de Jesus Cristo para nos salvar.

A Comunhão é dada durante a Missa logo após a Consagração, porém existes outros momentos importantes para recebê-la, que é:

1. A Comunhão da Páscoa.
2. A Comunhão oferecida quando se está moribundo para que seja possível levar consigo a força do Espírito Santo.

Voltar para o conteúdo