Durante a Missa - VivaJesusBr

A Trindade Santa e a Família Sagrada nos amam!
Estamos a 16 anos evangelizando! Obrigado! Janeiro mês do nosso aniversário!
Iniciado em: 15/01/2002
Neste endereço (domínio): 14/01/2006
Em 2018, novo visual!
Ir para o conteúdo
Santa Missa > Postura e Trajes
• As túnicas são vestimentas longas, em tecido branco, com ajuste na altura dos rins ou fixadas com um "cíngulo" (cordão). A túnica cobre o corpo do pescoço aos pés.
• Já a estola é uma faixa de tecido que é colocada no pescoço e que cai sobre o peito. Sua largura é de aproximadamente 15 cm. A cor obedece às cores litúrgicas.
• Um diácono usa sobre o ombro esquerdo atravessando o peito e as costas, é presa ao lado direito da cintura.
É interessante analisar a Santa Missa e como as pessoas participam dela, porém ela não é vista da mesma maneira, quanto a participação, entre os religiosos, religiosas, leigos e leigas, porque cada um tem sua maneira especial e peculiar de participação e interpretação. Por essa razão, a Santa Igreja possui o Magistério.
Uma condição que varia de pessoa para pessoa, mas todos a entendem seguindo as orientações da Igreja, portanto, a maneira de participação é pessoal, mas o significado e como acontece é único. A Liturgia não pode ser mudada nem mesmo por um religioso, padre, madre, bispo etc.
A participação vai depender de uma série de condições, por exemplo, da ética, do respeito, do envolvimento, do estado de espírito, da saúde física e da alma, mas principalmente da sua fé.
Todos esses fatores interferem na participação de qualquer ser humano, pois interferem na postura, na atenção etc.
Algumas pessoas, infelizmente, vão à Missa para exibir suas roupas, joias, mas também tem aquelas que vão para agradecer, fazer um pedido, pagar uma promessa, outras ainda, vão para adorar e louvar a Deus.
A fé é fundamental para que realmente seja possível participar da Santa Missa.
Partes da Santa Missa
1) Ritos Iniciais
a. Comentários iniciais ou monição ambiental.
b. Canto de entrada.
c. Acolhida e saudação.
d. Ato penitencial.
e. Hino de louvor (Glória).
f. Oração "Coleta".
De pé
De pé
De pé
De pé
De pé
De pé
2) Liturgia da Palavra
a. Comentários (monição) pré a 1ª Leitura.
b. 1ª Leitura (proclamação).
c. Salmo Responsorial.
d. Comentários (monição) pré a 2ª Leitura.
e. 2ª Leitura (proclamação).
f. Comentários (monição) pré Evangelho.
g. Canto de Aclamação ao Evangelho. O sacerdote (Presidente) se prepara para a leitura do Evangelho.
h. Proclamação (leitura) do Evangelho.
i. Homilia (Sermão) - momento de pregação, evangelização e explicação do Santo Evangelho lido).
j. Profissão de fé (Creio ou Credo).
K. Oração dos fiéis.
Sentados
Sentados
Sentados
Sentados
Sentados
Sentados


Sentados
De pé


Sentados
De pé
De pé
3) Liturgia EucarísticaOração Eucarística ou Anáforaa. Prefácio ou "Santo".
b. Invocação do Espírito Santo.
c. Narrativa da Santa Ceia.
d. Consagração (do vinho e do pão).
e. "Eis o Mistério da fé!"
f. Lembrança da Morte e Ressurreição de Jesus.
g. Oração pela Santa Igreja.
h. Louvir final - por Jesus Cristo...
De pé
De Pé
De joelhos ou de pé
De joelhos ou de pé
De joelhos ou de pé
De pé
De pé
De pé

Rito da Comunhãoa. Pai Nosso - oração.
b. Saudação em favor da Paz.
c. Partir (fração) do Pão.
d. Cordeiro de Deus.
e. Felizes os convidades para Ceia do Senhor.
f. Comunhão (distribuição ou entrega da Hóstia Consagrada aos fiéis).
g. Canto de oração das graças.
h. Oração após Comunhãos.
De pé
De pé
De pé
De pé
De pé

Sentados
Sentados
De pé
4) Ritos Finais
a. Comunicados, avisos e convites.
b. Benção final.
c. Ide em paz! (Despedida e procissão).
Sentados
De pé
De pé
• A cada parte da Santa Missa o fiel terá uma postura diferente, por exemplo, ficar de pé, sentar-se, ajoelhar-se, elevar as mãos etc. São estas as posturas que serão destacadas na tabela abaixo.
• Essas posturas não são ao acaso ou apenas para que as pessoas fiquem sentadas o tempo todo, elas tem sim um significado religioso, de fé e respeito a Deus Pai, Deus Filho e ao Espírito Santo.
• Por que inclinamos nosso corpo ou abaixamos a cabeça? Trata-se de um outro sinal de humildade, respeito, submissão e adoração. Tudo pela Santíssima Trindade, nosso único Deus.
• Inclinar ao adentrar uma igreja, geralmente à frente do Altar-Mor, onde está o Santíssimo, geralmente a imagem do santo e santa a qual a igreja é dedicada, é uma atitude de reconhecimento à grandeza de Deus, Nosso Senhor e Pai, o Criador. Mais uma vez estaremos demonstrando humildade, a nossa inferioridade e o respeito diante da Santíssima Trindade, o Pai, o Filho e o Espírito Santo, nosso único Deus.
• Muitos dos sinais e gestos realizados durante a Liturgia são extraídos do Antigo e Novo Testamento. Nas Bíblias não há uma orientação explícita, como faça isso ou aquilo, mas nas palavras encontram-se todas as orientações necessárias. Os primeiros bispos que estudaram as Escrituras seguiram principalmente as orientações vindas dos Apóstolos.
• Por exemplo, o Sinal-da-Cruz é feito seguindo a formação de nosso único Deus, ou seja, a Santíssima Trindade, e a cruz, sinal de sacrifício e salvação. "Em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo. Amém!". Em vários momentos da Missa ele é feito.
Voltar para o conteúdo