D - VivaJesusBr

A Trindade Santa e a Família Sagrada nos amam!
Estamos a 16 anos evangelizando! Obrigado! Janeiro mês do nosso aniversário!
Iniciado em: 15/01/2002
Neste endereço (domínio): 14/01/2006
Em 2018, novo visual!
Ir para o conteúdo
Beatos & Santos > Santos > D

SANTOS

  1. • Daciano (?, ? - ?, ?) - 04/06
  2. • Dácio (?, ? - ?, ?) - 14/01
  3. • Dagoberto II da Áustria (?, ? - ?, ?) - 23/12
  4. • Damárides (?, ? - ?, ?) - Mártir - 04/10
  5. • Damaso I (304/5, Espanha - 384?, Itália) - Papa - 11/12 Nasceu na Espanha, no ano 304/5. Ingressou na vida religiosa em seu país, mas logo foi para Roma. Naquela cidade foi diácono da Igreja de Roma. Em 366 é eleito Papa. Naquela época Jerônimo (Santo) ganhou grande destaque pela maneira de agir e escrever, por esta razão Damaso o nomeou seu secretário e responsável pela revisão dos textos da Bíblia, traduzindo-o para o latim (a denominada Vulgata). Também designou Jerônimo (Santo) como responsável pela organização de todos os documentos da Igreja, mas este não poderia modificá-los, principalmente os escritos dos primeiros padres Católicos. Como Damaso tinha muito interesse nas pesquisas arqueológicas, ordenou a realização de novas escavações e pesquisas nas antigas catacumbas. Foi grande combatente da heresia ariana, dando total apoio a Anastácio (Santo). Faleceu em Roma, no ano 384.
  6. • Damião (?, ? - séc. III/IV, Ásia Menor) - Mártir juntamente com São Cosme - Médico - 26/09 Nasceu em local e data não identificados por nós. Era irmão de São Cosme, provavelmente irmão gêmeo. Sabe-se pouco sobre a vida deste Santo e tudo que se sabe está ligada a idade adulta. Os irmãos eram médicos e não cobravam pela consulta quando atendiam os pobres, pois além de curarem o corpo, também o faziam na alma. Eram Cristãos fervorosos. Muitas das curas realizadas foram verdadeiros milagres, pois tinham Deus no coração. Durante a perseguição comandada por Diocleciano (284/305) foram presos. No cárcere foram torturados na tentativa de renegarem a sua fé. Como a agressão não surtiu efeito foram condenados à morte. Faleceram  na Ásia Menor, martirizados, por decapitação, entre o final do século III ou início do IV.
  7. • Damião de Molokai (1840, Bélgica - 1889, Havaí) - 10/05 Nasceu no dia 03 de janeiro de 1840, nas proximidades de Bruxelas, na Bélgica. Seu nome de Batismo era Josef de Veuster-Wouters. Ingressa na Ordem dos Padres do Sagrado Coração, aos 19 anos de idade e adota o nome de Damião. Mais tarde vai para Paris para concluir seus estudos. Numa certa data, quando Josef já tinha 21 anos de idade, um bispo vindo do Havaí realiza várias palestras com o objetivo conseguir missionários para obras assistenciais. Josef foi voluntário, mas ainda não era sacerdote e apenas em 1863, quando é ordenado, adota o nome Damião e parte para a ilha do Pacífico. No arquipélago Damião se une a mais três missionários, quando fica sabendo como a doença chegou a aquele arquipélago. Acontece que muitos chineses imigrantes se instalaram na ilha do Havaí, mas trouxeram com eles a doença. Acontece que no Havaí a lepra era um problema muito sério, e que por determinação do governo daquele arquipélago, em 1865, todo doente deveria ser transferido para a ilha de Molokai e ali abandonado à própria sorte. Nessa ilha existia uma península que permitia o acesso apenas através do mar, um isolamento perfeito para os portadores da lepra, mas também uma forma de abandonar seres humanos doentes, pois eles não tinham nenhuma assistência médica e alimentar. Quando chegaram na península o susto foi muito grande, as pessoas roubavam umas as outras e até se matavam por um prato de comida, nas ruas vários cadáveres, não havia nenhum tipo de saneamento, ou seja, o abandono era total. Damião e seus três amigos de Fé iniciam o trabalho com o sepultamento dos mortos, mas antes tiveram que recuperar o cemitério ali existente. Depois começa uma operação para limpar as casas os espaços públicos. Simultaneamente constrói uma igreja e um hospital para atender os pacientes mais graves ou em fase terminal. A Igreja passa a oferecer aos doentes uma missa diária trazendo assim conforto espiritual. Organiza o esgoto e constrói um aqueduto vindo de uma fonte não contaminada. Fez diversas viagens para a capital para fazer compras, como: lençóis, toalhas de banho e de mão, faixas, ataduras, medicamentos, roupas etc. Nas horas vagas escrevia para um jornal local sobre o sofrimento dos doentes. Aconteceu que a notícia ganhou o mundo e começaram a chegar ajuda de toda parte e até um médico que havia contraído a doença foi para o local para realizar trabalhar no tratamento daquelas pessoas. No ano de 1885 Damião descobre que ele próprio estava com a doença, mas mesmo assim continua com seu trabalho, mas a doença, que não tinha cura se agravou. Nessa época o médico faleceu em razão da doença e Damião trabalhava usando os ensinamentos dados pelo amigo morto. Faleceu no dia 15 de abril de 1889. Em 1936 seu corpo é transladado para a Bélgica e recebido solenemente pelo povo e autoridades. Foi Beatificado pelo Papa João Paulo II, no dia 4 de junho de 1995. Foi Canonizado pelo Papa João Paulo II, no dia 11 de outubro de 2009.
  8. • Damião Nam Myong-hyok (?, ? - ?, ?) - Mártir coreano - 12/09
  9. • Daniel (?, ? - ?, ?) - Profeta do Antigo Testamento - 21/07
  10. • Daniel (?, ? - ?, ?) - Bispo - 11/09
  11. • Daniel (?, Itália - 1227, Marrocos) - Mártir juntamente com seus companheiros: São Leão, Santo Ângelo, São Nicolas, São Samuel, São Hugolino e São Donnino - 14/10 Nasceu na Itália, em data não identificada por nós. No ano 1216 um grupo de cinco missionários Franciscanos foram martirizados no Marrocos, a notícia ao chegar na Europa entristeceu toda Ordem Franciscana, mas ao contrário do queriam os líderes do Marrocos, foi um motivador para a ida de novos grupos de missionários. Em 1219, três anos depois daquele martírio, Frei Elias, então ministro geral da Ordem Terceira dos Irmãos Menores, autorizou a partida de um novo grupo formado pelos seguintes religiosos: Daniel, Leão, Ângelo, Nicolas, Samuel, Hugolino e Donnino, Daniel era o superior. Chegaram ao Marrocos em dois grupos em Ceuta, partiram para uma praça pública e ali iniciaram a pregação. A notícia chegou rapidamente aos ouvidos das autoridades. Além de pregação e conversão eles também ofereciam a possibilidade de Confissão e Eucaristia para aqueles já convertidos. Porém logo foram presos. Foram conduzidos a presença do governador, como diante do governador não renegaram a sua Fé foram encarcerados. No cárcere em um primeiro momento foram agradados, mas esta ação não os demoveu de suas Fé, então os responsáveis pelo cárcere ordenaram que todos fossem açoitados. Mais uma vez a ação dos guardas e carcereiros não surtiu o resultado esperado. Todos foram julgados e condenados à morte. Foram levados novamente ao cárcere. Na véspera do martírio todos passaram a noite cantando e orando em louvor ao Senhor Pai e Filho. Também enviaram uma carta a todos Cristãos de Celta. Nela eles os abençoavam e falavam da importância de não renegar a Fé em Deus Pai e Filho. Faleceram no Marrocos, martirizados, por decapitação, no dia 10 de outubro de 1227. Seus corpos foram entregues aos pagãos e desordeiros, mas a comunidade cristã os recolheu e transportaram os corpos para várias Igrejas da Espanha e Portugal. Foram Canonizados pelo Papa Leão X, no dia 22 de janeiro de 1516.
  12. • Daniel (?, ? - 309, Cilicia?) - Mártir juntamente com Santo Elias, Santo Isaias, São Jeremias, São Samuel e companheiros - 16/02 Nasceu em local e data não identificado por nós. Daniel e seus quatro companheiros,  Santo Elais, São Jeremias, São Samuel, tinham por hábito visitar os  Cristãos condenados que trabalhavam nas minas de Cilicia, atual região da Turquia e Síria . Numa das visitas o grupo foi preso e acusado de ser Cristão. Levados ao governador foram condenados. Por ordem do governador foram torturados e em seguidas levados para a sentença final, a decapitação. Faleceu em Cilicia, atual região da Turquia e Síria, em 309.
  13. • Daniel Brottier (1876, França - 1936, França) - 28/02 Nasceu na França, no dia 07 de setembro de 1876. Quando foi iniciada a Primeira Grande Guerra, Daniel voluntariamente se inscreve como capelão militar e segue junto com os soldados para a linha de frente. Durante a guerra cuida tanto fisicamente bem como espiritualmente dos feridos e ainda, dando forças a aqueles que estavam falecendo. Após a guerra assume a direção da Casa dos Órfãos Aprendizes de Auteuil. Neste local prestou assistência a mais de mil menores abandonados. Simultaneamente a este trabalho fundou e dirigiu a União Nacional dos Antigos Combatentes, entidade que chegou a ter mais de dois milhões de associados.
  14. Faleceu na França, em 28 de fevereiro de 1936. Foi Canonizado pelo Papa João Paulo II, no dia 1984.
  15. • Daniel Comboni (1831, Itália - 1881, Sudão) - 10/10 Nasceu em Bréscia, Itália, no dia 15 de março de 1831. Era um ser humano que sempre admirou o trabalho e o Movimento Missionário. Ingressa na vida religiosa e em seu primeiro trabalho vai para a África. Seu trabalho de conversão é incessante e fazendo uso de todos os recursos ao seu alcance, desde que não ferissem às leis de Deus e de Jesus Cristo. Faleceu em Khartum, Sudão, no dia 10 de outubro de 1881. Foi Beatificado pelo Papa João Paulo II, no dia 17 de março de 1996. Foi Canonizado Papa João Paulo II, no dia 05 de outubro de 2003.
  16. • Daniel Estilita (?, ? - ?, ?) - 11/12
  17. • Darerca (?, ? - ?, ?) - 21/03
  18. • Dásio (?, ? - ?, ?) - Mártir - 20/11
  19. • Davi Menevia (?, ? - 601, Inglaterra) - Bispo - 01/03 Nasceu em Dyfed, na Inglaterra, em data não identificada por nós. O rei de Ceredigion, na Inglaterra, violentou uma monja e deste ataque nasceu Davi. A mãe cuidou do filho e depois retornou à sua função religiosa. Já adulto, em data não identificada consta que Davi teve uma visão para fundar uma comunidade em Hodnant, Menevia, na Inglaterra, com a ajuda de três seguidores o fez. As regras eram severas e o voto de pobreza era seguido com grande rigor. Foi um dos que lutou contra a heresia pelagiana (esta negava as doutrinas sobre o pecado original). Foi nomeado arcebispo de sua região. Faleceu em Menevia, Inglaterra, no ano 601.
  20. • Davi (?, ? - ?, ?) - Canonizado juntamente com São Teodoro * e São Constantino - 19/09
  21. • Davi (?, ? - ?, ?) - Rei do Antigo Testamento - 29/12
  22. • Davi Armeno (?, ? - ?, ?) - 03/06
  23. • Davi Galvan Bermudez (?, ? - ?, ?) - Mártir mexicano - 21/05
  24. • Davi I da Escócia (?, ? - ?, ?) - 24/05
  25. • Davi Lewis (?, ? - ?, ?) - Mártir inglês - 27/08
  26. • Davi Roldan Lara (?, ? - ?, ?) - Mártir mexicano - 21/05
  27. • Davi Urbes Velasco (?, ? - ?, ?) - Mártir mexicano - 21/05
  28. • David de Munktorp (?, ? - ?, ?) - 29/12
  29. • Davino (?, ? - ?, ?) - Mártir juntamente com São Saturnino * e Companheiros - 11/02

  1. • Décio (?, ? - ?, ?) - 28/07
  2. • Declano (?, ? - ?, ?) - Bispo - 24/07
  3. • Deícolo (?, ? - ?, ?) - Abade - 18/01
  4. • Delfim (?, ? - ?, ?) - Bispo - 24/12
  5. • Demetriano (?, ? - ?, ?) - 06/11
  6. • Demétrio (?, ? - ?, ?) - 09/04
  7. • Demétrio (?, ? - ?, ?) - 08/10
  8. • Demétrio da Alexandria (?, ? - ?, ?) - 09/10
  9. • Demócrito (?, ? - ?, ?) - 31/07
  10. • Deodato (?, ? - ?, ?) - Diácono - 24/04
  11. • Deodato (?, ? - ?, ?) - Bispo - 19/06
  12. • Deodato (?, ? - ?, ?) - 08/11
  13. • Deodato Aribert (?, ? - ?, ?) - Mártir juntamente com Santo Estevão de Cuneo, São Nicolau Tavelic * e São Pedro de Narbona - 14/11
  14. • Deodoro (?, ? - ?, ?) - 26/02
  15. • Deográcias (?, ? - ?, ?) - Bispo - 22/03
  16. • Derfl Garden (?, ? - ?, ?) - 05/04
  17. • Desiderato (?, ? - ?, ?) - Bispo - 08/05
  18. • Desidério (?, ? - ?, ?) - Mártir juntamente com São Festo - 07/09
  19. • Desidério da Cahors (?, ? - ?, ?) - Bispo - 15/11
  20. • Deusdedit (?, ? - ?, ?) - Arcebispo - 14/07 ou 10/08*
  21. • Deusdedit (?, ? - ?, ?) - Papa - 08/11
  22. • Didíme(o) (?, ? - ?, ?) - Mártir juntamente com São Diodoro e São Díomedes - 11/09
  23. • Dídimo (ou Didimo) (?, ? - ?, ?) - Mártir juntamente com Santa Teodora * - 28/04 Nasceu em data e local não identificados por nós. Nasceu em data e local não identificados por nós. Foi preso e julgado com Santa Teodora. Após sua condenação foi levado para o martírio, como Teodora havia fugido vestida de soldado, foi morto antes dela. Quando ela soube de sua morte se entregou e foi martirizada. Faleceu martirizado, em Alexandria, no ano 304. Faleceu martirizada, em Alexandria, no ano 304.
  24. • Diego de Alcalá (séc. XIV, ? - 1463, ?) - 12 ou 13/11 Nasceu em São Nícolas do Porto, na Espanha, no final do século XIV. Ingressou na vida religiosa na Ordem dos Frades Franciscanos. Foi um grande viajante. Andarilho e pregador viajou pela Espanha, França e Itália. Não pense que ele era apenas um pregador, pois Diego era uma pessoa que em suas viagens fazia muita caridade e milagres. Não sabemos o motivo que o levou a se recolher no Convento Franciscano de Alcalá de Henares, a idade já avançada ou doença, pois encontramos relatos apontando para as duas causas. Foi nesse Convento que passou os seus últimos dias. Todos os dias recebia fiéis a procura de uma orientação espiritual, uma ajuda, para pagamento de promessas e ser agraciado por seus milagres por meio de sua intercessão junto ao Pai e o Filho. Faleceu em Alcalá, Espanha, no ano de 1463. Foi Canonizado pelo Papa Xisto V, no ano 1588.

  1. • Dimas (?, ? - séc. I, Palestina) - Confessor - 25/03 Nasceu na Palestina, em data não identificada por nós. Nos Evangelhos de Lucas Marcos e Mateus é narrada a crucificação de Jesus, mas há uma outra informação, a de que Jesus não foi crucificado só. A seu lado haviam dois ladrões, um que pede perdão a Jesus, chamado Dimas, o "Bom Ladrão". do outro lado o chamado "Mau Ladrão", conhecido como Gestas. Faleceu crucificado, em Jerusalém, Palestina, no séc. I (provavelmente no ano 33 d.C.
  2. • Diodoro (?, ? - ?, ?) - Mártir juntamente com São Rodopiano - 30/04
  3. • Diodoro (?, ? - ?, ?) - Mártir juntamente com São Dídíme(o) e São Díomedes - 11/09
  4. • Díomedes (?, ? - ?, ?) - Mártir juntamente com São Didíme(o) e São Diodoro - 11/09
  5. • Diógenes (?, ? - ?, ?) - 06/04
  6. • Diogo de Alcolá (?, ? - ?, ?) - 13/11
  7. • Dionísio (?, ? - 250, França) - Mártir juntamente com seus companheiros Eleutério e Místico - 09/10 Nasceu em local e data não identificados por nós. Foi Bispo de Paris, França e é o patrono da França. Foi enviado por Roma para a Gália, França, no ano 250, quando Décio era o governante. Quando chegou a Paris, foi morar numa pequena ilha do Rio Sena. No local fundou uma pequena comunidade Cristã. Foi preso e encarcerado com seus companheiros Eleutério e Místico (ambos Santos) e condenados à morte. Faleceu em Paris, França, martirizado, por decapitação, e jogados no Rio Sena, no ano 250.
  8. • Dionísio (?, Grécia - 268, Roma) - Papa - 26/12 Nasceu na Grécia e data não identificada por nós. Tornou-se Padre em sua terra natal. Algum tempo depois resolve se transferir para Roma e é autorizado. Como padre pregou em Roma e se destacou pela sua eficiência. No ano 259 é eleito Papa. Foi Papa entre 259 e 268, na época da violenta perseguição aos Cristãos pelo imperador Valeriano. Lutou contra toda heresia. Ajudou finaceiramente a Capadócia após a invasão e saques praticados pelos góticos. Faleceu em Roma, no ano 268.
  9. • Dionísio (?, Roma - 258, França) - Bispo - 08/05 Nasceu provavelmente em Roma e em data não identificados por nós. Foi Bispo de Viena, França e sucessor de Justus (Santo). Foi enviado juntamente com Peregrino (Santo) para a Gália, França, pelo Papa Xisto I. Faleceu na França, no ano 193.
  10. • Dionísio (?, ? - 193, Grécia) - Bispo - 08/05 Nasceu provavelmente em local e data não identificados por nós. Foi Bispo de Corinto, Grécia. Foi um grande escritor de cartas pastorais e estas serviram para evangelizar, converter e garantir a fé cristã. Faleceu em Corinto, na Grécia, no ano 193.
  11. • Dionísio (?, ? - 304, Roma) - Mártir juntamente com São Pancrácio - 12/05 Nasceu na Ásia, em data não identificada por nós. Partiu da Ásia com seu tio Pancrácio para Roma. Quando lá chegaram foram convertidos ao cristianismo, mas foram presos pelo crime de serem cristãos e renegarem os deuses pagãos. Faleceu em Roma, martirizado, na prisão, no ano 304.
  12. • Dionísio (?, ? - 359, Exilado?) - Bispo exilado e mártir - 25/05 Nasceu em local e data não identificados por nós. Foi Bispo de Milão, Itália. Quando o imperador Constantino II condenou Atanásio (Santo), Dionísio foi em sua defesa e por esse motivo foi condenado e exilado. infelizmente não pudemos identificar o local de seu exílio. É ainda em nossos dias muito venerado em Milão. Faleceu no exílio, por essa razão é considerado um mártir, no ano 359.
  13. • Dionísio (Areopagita ou de Atenas) (?, ? - 95, Grécia) - Bispo - 09/10 Nasceu local e data não identificados por nós. Foi Bispo de Atenas, Grécia. Foi procurado por Paulo, quando ficará sego, por orientação de Jesus Cristo. Dionísio foi aquele que recebeu e converteu Paulo. Sua história é cheia de relatos inconsistentes e confusos e, pelo que pudemos apurar, existe muita confusão com outros Santos com o mesmo nome. Teve como companheiro Eugênio, Bispo de Toledo, Espanha, também Santo. Faleceu em Atenas, Grécia, provavelmente martirizado, no ano 95.
  14. • Dionísio de Alexandria (?séc. II/III, Alexandria - 264, Alexandria) - Bispo mártir - 05/10 ou 17/11 Nasceu na Alexandria, Egito, provavelmente no final do século II ou início do III. Era bispo da Alexandria, entre 247 e 264, quando foi fortemente perseguido por Filipi, o árabe, Décio e Valeriano, todos perseguidores de Cristãos. Décio o perseguiu por toda a região, mas o bispo astutamente permaneceu em sua residência, pois os seus agoses pensavam que ele havia fugido. Foram quatro dias de confinamento. Vendo que seu esconderijo não era seguro tenta fugir, mas é preso por alguns instantes, pois a população, um grupo de camponeses, que estava em festa o libertou. Fato que enfureceu a Décio. Converteu muitos, bem como Batizou muitos hereges. Era um grande escritor, mas poucos textos chegaram aos nossos dias. Foi preso e martirizado. Faleceu em Alexandria, Rgito, provavelmente em 264.
  15. • Dionísio de Corinto (?, ? - ?, ?) - Bispo - 08/04
  16. • Dionísio de Sebuggwao (?, Uganda - 1885, Uganda) - Mártir - 03/06 Nasceu em Uganda, África, em data não identificada por nós. Dionísio era empregado do rei. Quando este descobriu que era Cristão foi assacinado pelo próprio rei com uma lança. Faleceu em Uganda, na África, no ano 1885.
  17. • Discólio (?, ? - ?, ?) - Bispo - 12/08
  18. • Disibodo (?, ? - ?, ?) - 08/09
  19. • Disibodo (?, ? - ?, ?) - Eremita - 08/07
  20. • Dogmael (?, ? - ?, ?) - Eremita - 14/06
  21. • Domécio - o Persa (?, ? - ?, ?) - 07/08  
  22. • Dom Bosco (?, ? - ?, ?) - ??/??

  1. • Domiciano (?, ? - ?, ?) - Bispo - 07/05
  2. • Domiciano (?, ? - ?, ?) - 24/05
  3. • Domingos Bui Van Uy (?, ? - ?, ?) - Mártir do vietnã - 24/11
  4. • Domingos Can (?, ? - ?, ?) - Mártir do vietnã - 24/11
  5. • Domingos de Calçada (Estrada) (?, Espanha - 1109, Espanha) -  Eremita e peregrino - 12/05 Nasceu na Espanha, em data não identificada por nós. Domingos por várias oportunidades tentou ingressar num Convento na região onde nasceu, mas nunca foi aceito. Decidiu então viver como eremita. Anos depois descobre que sua vida deveria ser dedicada à assistência, quando passava por La Rioja, Espanha, aos peregrinos que faziam o caminho de Santiago de Compostela. Atendia os pobre, enfermos, mas também dava repouso e alimento a todo peregrino que solicitava. O movimento aumentou e por esse motivo decidiu abrir uma pousada. Providencio o conserto da velha estrada romana, construiu pontes. Seu trabalho despertou a atenção de monges eremitas e que passam a trabalhar a seu lado. Surge ao redor de sua pousada uma Vila, hoje a Cidade de Domingos de Calçada (Domingos de la Calçada). Muitos peregrinos, doentes são curados e passam a divulgar as curas por interseção de Domingos. Faleceu na sua pousada, Espanha, de causas naturais, no ano de 1109.
  6. • Domingos de Gusmão (Gusmán) (1170/2, Espanha - 1221, Itália) - Sacerdote fundador - 08/08 Nasceu na vila de Caleruega, na Espanha, no dia 24 de junho de 1170. Seus pais eram nobres, muito ricos e Cristãos, que era formada por três filhos. Seu irmão Antônio também se tornou sacerdote e sua mãe e seu irmão Manes foram Beatificados. Sempre se dedicou aos estudos e com destaque, quando decidiu ingressar num Mosteiro. Aos 24 anos de idade, quando concluiu seus estudos de teologia, foi ordenado sacerdote. Logo em seguida foi eleito cônego da Igreja de Osma. Foi um grande combatente contra os hereges Albigenses. Mais uma vez destacou-se e por esta razão foi procurado por muitos irmãos, quando fundou um núcleo da Ordem dos Religiosos Dominicanos. Quando estava em Roma, numa certa data, quando orava na Igreja de São Pedro teve a visão de Nossa Senhora Santíssima. A Virgem Mãe apresentou a ele seu Filho muito triste pelas culpas dos homens e ao lado dois homens sustentavam a Igreja. Um dos homens era ele próprio e na manhã do dia seguinte identificou o segundo homem, um religioso, com trajes diferentes daqueles pomposos usados em Roma, pois eram trapos, este religiosos era na realidade Francisco de Assis (Santo) que tentava falar com o Papa. Este encontro marcou a sua vida, pois quando se abraçaram criaram um laço entre duas Ordens da Santa Igreja e uma amizade duradoura. Os religiosos formados por ele tinham que seguir as Regras de pobreza, um dos motivos era a de não chamar a atenção dos hereges no sentido de que eles queriam apenas riqueza, como era comum entre alguns religiosos em Roma. Outra exigência era que todos deveriam ser cultos e sempre se dedicarem aos estudos para que com mais conhecimento da verdade pudessem combater qualquer fala ou discurso dos hereges. Impunha a si algumas Regras especiais, caminhava sempre descalço, dormia no chão e se flagelava para ficar livre das tentações, erros e pecados cometidos no dia a dia. Em algumas oportunidades foi eleito bispo, mas nunca aceitou o cargo, pois defendia que seria mais útil viver em pobreza e dedicado ao apostolado e pregação. Faleceu quando estava em Bolonha, na Itália, no dia 06 de agosto de 1221. Foi Canonizado pelo Papa Gregório IX, no dia 03 de julho de 1234.
  7. • Domingos de Silos (1005?, Espanha - 1073, Espanha) - Abade - 20/12 Nasceu no Reino de Navarra, atual Espanha, no ano de 1005. Perseguido pelas autoridades, mudou-se para o reino de Castela. Naquele reino foi responsável pela restauração da Abadia de Silos. Foi um combatente dedicado na tentativa de libertar religiosos e leigos Cristãos prisioneiros dos mulçumanos. Faleceu Reino de Navarra, atual Espanha, no ano 1073. Tinha grande fama de Santidade.
  8. • Domingos de Sora (?, ? - ?, ?) - Abade - 22/01
  9. • Domingos Dinh Dat (?, ? - ?, ?) - Mártir do Vietnã - 24/11
  10. • Domingos Henares (?, ? - ?, ?) - Mártir do Vietnã - 24/11
  11. • Domingos Huyen (?, ? - ?, ?) - Mártir do Vietnã - 24/11
  12. • Domingos Ibañez (?, ? - ?, ?) - Mártir japonês - 28/09
  13. • Domingos Lorigado (?, ? - ?, ?) - 14/10
  14. • Domingos Mão (?, ? - ?, ?) - Mártir do Vietnã - 24/11
  15. • Domingos Mau (?, ? - ?, ?) - Mártir do Vietnã - 24/11
  16. • Domingos Mau (?, ? - ?, ?) - Mártir do Vietnã - 05/11
  17. • Domingos Minh (?, ? - ?, ?) - Mártir do Vietnã - 24/11
  18. • Domingos Nguyen (?, ? - ?, ?) - Mártir do Vietnã - 24/11
  19. • Domingos Nguyen Van Hanh (?, ? - ?, ?) - Mártir do Vietnã - 24/11
  20. • Domingos Nguyen Van Xuyen (?, ? - ?, ?) - Mártir do Vietnã - 24/11
  21. • Domingos Nhi (?, ? - ?, ?) - Mártir do Vietnã - 24/11
  22. • Domingos Pham Thong Kham (?, ? - ?, ?) - Mártir do Vietnã - 24/11
  23. • Domingos Sávio (1842, Itália - 1857, Itália) - 09/03 Nasceu em Riva de Chievi, Turim, na Itália, em 1842. Seus pais eram pobres, ele era ferreiro e sua mãe costureira e cristãos. Desde pequeno Domingos dedicava momentos à sua Fé e ao respeito a Deus. Teve como professor João Bosco (Santo) e que influenciou na sua decisão de se tornar padre. Aos doze anos decide pela vida religiosa, mas uma premonição lhe dá uma certeza que não terá oportunidade de se tornar padre, pois falecerá antes. De fato, aos 15 anos uma grave doença lhe deixa de cama. Faleceu na Itália, no ano de 1857.
  24. • Domingos Tori (?, ? - ?, ?) - Mártir do Vietnã - 24/11
  25. • Domingos Trash (?, ? - ?, ?) - Mártir do Vietnã - 24/11
  26. • Domingos Tuoc (?, ? - ?, ?) - Mártir do Vietnã - 24/11
  27. • Dominguinhos del Val (?, ? - ?, ?) - Mártir - 31/08

  1. • Donaciano (?, ? - ?, ?) - Mártir juntamente com o São Rogaciano - 06/09
  2. • Donaciano (?, ? - ?, ?) - Bispo mártir juntamente com o São Ledo e outros Bispos - 24/05
  3. • Donaldo (?, ? - ?, ?) - 15/07
  4. • Donato (?, ? - ?, ?) - 09/02
  5. • Donato (?, ? - ?, ?) - Bispo - 30/04
  6. • Donato (?, ? - ?, ?) - Eremita - 19/08
  7. • Donato (?, ? - ?, ?) - 17/08
  8. • Donato (?, ? - ?, ?) - Mártir juntamente com seus 52 companheiros - 17/04
  9. • Donato de Arezzo (?, ? - ?, ?) - Bispo - 07/08
  10. • Donato de Fiesóle (?, Irlanda - 876, Itália) - Bispo - 22/10 Nasceu na Irlanda, em data não identificada por nós. Donato torna-se religioso na Irlanda, tinha uma excelente formação acadêmica, mas decide viajar pela Itália, mais precisamente para Roma. Na volta para sua terra natal, ao passar por Fiésole, Itália, decide passar pela igreja local. Ele não sabia que naquele momento estava ocorrendo a escolha de um novo Bispo para a localidade. Para a sua surpresa ao entrar na Catedral começou a tocar os sinos, campainhas e acender as luminárias. Era o ano de 829. Fundou hospitais. Fez parte do Concílio de Lateranense, em 861. Deixou diversos escritos, entre documentos e publicações. Talvez seja seu maior e melhor documento a "Vida de Santa Brígida". Era uma pessoa, apesar do cargo bastante humilde e dedicada ao povo. Faleceu em Fiesóle, Itália, de causas naturais, no ano 876 .
  11. • Donino (?, ? - ?, ?) - Mártir juntamente com Santa Donina - 12/10
  12. • Donnino de Montalcinto (cpDaniel) (?, Itália - 1227, Marrocos) - Mártir juntamente com os companheiros: São Daniel, Santo Ângelo, São Nicolas, São Samuel, São Hugolino e São Leão - 14/10 Nasceu na Itália, em data não identificada por nós. No ano 1216 um grupo de cinco missionários Franciscanos foram martirizados no Marrocos, a notícia ao chegar na Europa entristeceu toda Ordem Franciscana, mas ao contrário do queriam os líderes do Marrocos, foi um motivador para a ida de novos grupos de missionários. Em 1219, três anos depois daquele martírio, Frei Elias, então ministro geral da Ordem Terceira dos Irmãos Menores, autorizou a partida de um novo grupo formado pelos seguintes religiosos: Daniel, Leão, Ângelo, Nicolas, Samuel, Hugolino e Donnino, Daniel era o superior. Chegaram ao Marrocos em dois grupos em Ceuta, partiram para uma praça pública e ali iniciaram a pregação. A notícia chegou rapidamente aos ouvidos das autoridades. Além de pregação e conversão eles também ofereciam a possibilidade de Confissão e Eucaristia para aqueles já convertidos. Porém logo foram presos. Foram conduzidos a presença do governador, como diante do governador não renegaram a sua Fé foram encarcerados. No cárcere em um primeiro momento foram agradados, mas esta ação não os demoveu de suas Fé, então os responsáveis pelo cárcere ordenaram que todos fossem açoitados. Mais uma vez a ação dos guardas e carcereiros não surtiu o resultado esperado. Todos foram julgados e condenados à morte. Foram levados novamente ao cárcere. Na véspera do martírio todos passaram a noite cantando e orando em louvor ao Senhor Pai e Filho. Também enviaram uma carta a todos Cristãos de Celta. Nela eles os abençoavam e falavam da importância de não renegar a Fé em Deus Pai e Filho. Faleceram no Marrocos, martirizados, por decapitação, no dia 10 de outubro de 1227. Seus corpos foram entregues aos pagãos e desordeiros, mas a comunidade cristã os recolheu e transportaram os corpos para várias Igrejas da Espanha e Portugal. Foram Canonizados pelo Papa Leão X, no dia 22 de janeiro de 1516.
  13. • Donolo (?, ? - ?, ?) - Bispo - 16/05
  14. • Donulo (cpDaniel) (?, Itália - 1227, Marrocos) - Mártir - 14/10 Nasceu na Itália, em data não identificada por nós. No ano 1216 um grupo de cinco missionários Franciscanos foram martirizados no Marrocos, a notícia ao chegar na Europa entristeceu toda Ordem Franciscana, mas ao contrário do queriam os líderes do Marrocos, foi um motivador para a ida de novos grupos de missionários. Em 1219, três anos depois daquele martírio, Frei Elias, então ministro geral da Ordem Terceira dos Irmãos Menores, autorizou a partida de um novo grupo formado pelos seguintes religiosos: Daniel, Leão, Ângelo, Nicolas, Samuel, Hugolino e Donnino, Daniel era o superior. Chegaram ao Marrocos em dois grupos em Ceuta, partiram para uma praça pública e ali iniciaram a pregação. A notícia chegou rapidamente aos ouvidos das autoridades. Além de pregação e conversão eles também ofereciam a possibilidade de Confissão e Eucaristia para aqueles já convertidos. Porém logo foram presos. Foram conduzidos a presença do governador, como diante do governador não renegaram a sua Fé foram encarcerados. No cárcere em um primeiro momento foram agradados, mas esta ação não os demoveu de suas Fé, então os responsáveis pelo cárcere ordenaram que todos fossem açoitados. Mais uma vez a ação dos guardas e carcereiros não surtiu o resultado esperado. Todos foram julgados e condenados à morte. Foram levados novamente ao cárcere. Na véspera do martírio todos passaram a noite cantando e orando em louvor ao Senhor Pai e Filho. Também enviaram uma carta a todos Cristãos de Celta. Nela eles os abençoavam e falavam da importância de não renegar a Fé em Deus Pai e Filho. Faleceram no Marrocos, martirizados, por decapitação, no dia 10 de outubro de 1227. Seus corpos foram entregues aos pagãos e desordeiros, mas a comunidade cristã os recolheu e transportaram os corpos para várias Igrejas da Espanha e Portugal. Foram Canonizados pelo Papa Leão X, no dia 22 de janeiro de 1516.
  15. • Doroteu (?, ? - ?, ?) - Mártir juntamente com o São Gorgônio e São Pedro (?, ? - ?, ?) -  Mártir - 12/03
  16. • Doroteu de Gaza (?, ? - ?, ?) - Asceta - 05/06
  17. • Doroteu de Tiro (?, ? - ?, ?) - Mártir - 05/06
  18. • Doroteu - o Jovem (?, Turquia - séc. XI, Turquia) - Abade - 05/01 Nasceu em Trebizonda, Turquia, em data não identificada por nós. Sabe-se que aos 12 anos de idade entrou para a vida religiosa no Mosteiro da Natividade, em Amisa, Turquia. Estudou com afinco e dedicação. Anos mais tarde fundou o Mosteiro Santíssima Trindade. Adotou, após reformar as Regras de Santo Arsênio, em seu Mosteiro. Caridoso e evangelizador acompanhava seus irmãos leigos de perto, visitando encarcerados, doentes etc. Faleceu em seu Mosteiro, na Turquia, no século XI.
  19. • Dositeu (?, ? - ?, ?) - 23/02
  20. • Dostrano (?, ? - ?, ?) - Abade - 11/07
  21. • Drausio (?, ? - ?, ?) - Bispo - 07/03
  22. • Dritelmo (?, ? - ?, ?) - 01/09
  23. • Drogão (?, ? - ?, ?) - 16/04
  24. • Drotoveu (?, ? - ?, ?) - 10/03
  25. • Dubrício (?, ? - ?, ?) - Bispo - 14/11
  26. • Dunstano (?, ? - ?, ?) - Arcebispo - 19/05
  27. • Dutaco (?, ? - ?, ?) - Bispo - 08/03

Voltar para o conteúdo