Anjos da Guarda01a - VivaJesusBr

A Trindade Santa e a Família Sagrada nos amam!
Estamos a 17 anos evangelizando! Obrigado! Janeiro mês do nosso aniversário!
Iniciado em: 15/01/2002
Neste endereço (domínio): 14/01/2006
Em 2019, novidades!
Ir para o conteúdo
Anjos & Arcanjos > Conhecendo

CONHECENDO I

Reflexão com os Santos Doutores da Igreja
Por: Vivaldo Armelin Júnior

• Vários Santos Doutores da Igreja confirmaram que cada ser humano tem um anjo da guarda, uma verdade, mas não um dogma.
• Segundo estes santos cada ser humano tem um anjo da guarda só seu, pessoal, individual, que nos acompanham diariamente por toda nossa vida.
• Como os Santos Doutores da Igreja obtiveram essas informações?
• A maior parte nas Sagradas Escrituras, Antigo e novo Testamento.
• Nelas os anjos são apresentados por Deus e seu Filho Jesus, mais tarde pelos próprios Apóstolos.
• São nossos protetores, guias e orientadores.
• Ainda abordando as afirmações dos Santos Doutores da Igreja, os anjos também apareceram para alguns deles e até ao lado de um outro santo, Nossa Senhora etc.
• Amém!

Anjo da guarda. Quem são?
Por: Vivaldo Armelin Júnior

1. Os Anjos são assistentes e mensageiros de Deus. Esses mensageiros e assistentes tem grande importância para nós Católicos por serem o nosso contato com Deus Pai e Deus Filho.
2. No geral e pela tradição, os Anjos são caracterizados como seres alados e são citados tanto no Antigo Testamento, bem como no Novo Testamento, no entanto os registros bíblicos são pouco detalhistas quanto as suas aparências. Tem um outro papel muito importante perante aos seres humanos como ministradores das vontades de Deus. São dedicados a Deus Pai e Deus Filho, são sábios, possuem poderes e santidade, obedientes e pacientes.
3. O Anjo da Guarda são aqueles que nos acompanham durante a nossa passagem por esse planeta e tem a função de nos proteger, ajudar, orientar, guardar, mas não podem interferir no livre arbítrio. Nos acompanham a todo momento.

• Tenho um Anjo da Guarda?
Por: Vivaldo Armelin Júnior

  • Meu amigo ou amiga, ouvi a pouco tempo uma grande bobagem sobre estes seres que são grandes auxiliares de Deus e que nos guardam. A pessoa afirmava que a Igreja Católica não mais tinha Anjos, pois o Papa havia dito que eles não existem. O saudoso Papa João Paulo II, em vários momentos deu destaque aos Anjos e confirmou a suas existências, pois aparecem nas Sagradas Escrituras, foram citados por Jesus.

  • É difícil perceber que tem pessoas nos nossos dias com tanta vontade de denegrir e destruir a Santa Igreja Católica que até inventam mentiras para que as pessoas menos informadas tenham a impressão de que tudo que acreditou a vida toda está sendo jogado fora.

  • O atual Papa, Bento XVI também reforçou a existência de um Anjo da Guarda.

  • Tem pessoas que dizem não existir essa proteção porque muita gente se fere gravemente, morre ou sofre grave acidente.

  • Deus, na criação, nos deu o livre arbítrio, não somos robôs controlados por Deus e os seus servos Anjos da Guarda. Muitas vezes eles não podem interferir, o destino está escrito. A todo momento ouvimos dizer que alguém sobreviveu milagrosamente a um acidente. Será que esses acontecimentos são todos meras casualidades? Será que a mão do Anjo da Guarda, orientada pela mão de Deus não foi o responsável por evitar um ferimento grave ou a morte?

  • Pense, ou melhor, reflita!

Anjo da Guarda, filhos de Deus!
Por: Vivaldo Armelin Júnior

  • Os anjos da guarda, como todos os demais anjos e suas ordens, são filhos de Deus, são criaturas do Pai, como nós mortais. Eles também devem obediência, fazem suas orações e são dedicados a Ele. São exemplos de amor e fé no Pai Celestial e nos guiam, mas respeitam o livre arbítrio e os desígnios de Deus.

  • Eles conhecem a Santíssima Trindade e seus mistérios, por essa razão, em várias oportunidades, as revelaram por ordem de Deus, como o fizeram antes da destruição de Sodoma e Gomorra, com Maria, com José, Jacinta, Lúcia e Francisco, entre tantas outras aparições de Nossa Senhora.

  • Os anjos não tem preconceito, inveja, arrogância, não são ignorantes em suas ações e fazem de tudo para que sejamos salvos. No entanto nós humanos temos uma arrogância gigantesca, somos invejosos e preconceituosos.

  • Quando crescermos e nos tornarmos mais humanos estaremos nos aproximando dos anjos e seus exemplos, no entanto, isso está um pouco longe nos nossos dias, pois muitos de nós desejamos o aborto, a eutanásia e outros crimes contra a humanidade.

  • Somos pecadores, infiéis e pouco fazemos por nossos semelhantes. Os anjos, por sua vez, são unidos, todos se ajudam e seguem o que Deus nos ensinou e ensina.

  • Por quê?

  • Pense, analise, reflita e conclua!

ORAÇÂO AOS ANJOS DA GUARDA

• Em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo.

• Senhor Deus, Todo-poderoso, criador do céu e da terra. Louvores Vos sejam dados por todos os séculos e séculos.
Amém!

  • Senhor Deus, que por vossa imensa bondade e infinita misericórdia, confiaste cada alma humana a cada um dos Anjos de vossa Corte Celeste, graças vos dou por essa imensurável graça. Assim confiante em vós e em meu Santo Anjo da guarda, a ele me dirijo, suplicando-lhe velar por mim, nesta passagem de minha alma, pelo exílio da Terra.

  • Meu Santo Anjo da Guarda, modelo de pureza e de amor a Deus, sede atento ao pedido que vos faço.

  • Deus, meu criador, o Soberano Senhor a quem servis com inflamado amor, confiou à vossa guarda e vigilância da minha alma e meu corpo. A minha alma a fim de não cometer ofensas a Deus, o meu corpo, a fim de que seja sadio, capaz de desempenhar as tarefas que a sabedoria divina me destinou, para cumprir minha missão na terra.

  • Meu Santo Anjo da Guarda, velai por mim, abri-me os olhos, dai-me prudência em meus caminhos pela existência. Livrai-me dos males físicos e morais, das doenças e dos vícios, das más companhias, dos perigos, e nos momentos de aflição, nas ocasiões perigosas, sede meu guia, meu protetor e minha guarda, contra tudo quanto me cause dano físico ou espiritual.

  • Livrai-me dos ataques dos inimigos invisíveis, dos espíritos tentadores.

  • Meu Santo Anjo da Guarda, protegei-me.


— Rezar: 1 Creio em Deus Pai, 1 Pai nosso e 1 Ave Maria —

ANTERIORES


Um momento com o nosso Anjo da Guarda
Por: Vivaldo Armelin Júnior

  • O Anjo da Guarda é o servo de Deus e o ente celestial mais próximo do ser humano. É aquele que nos guarda e protege, nosso contato direto com Deus Pai, Deus Filho e o Espírito Santo, ou seja com a Santíssima Trindade.

  • Por esse motivo, nós mortais e pecadores, precisamos aprender a interpretar as mensagens do nosso Anjo da Guarda. É difícil ser correto o tempo todo, mas como não somos infalíveis a exemplo da Santíssima Trindade precisamos de tua ajuda. Por esse motivo estamos publicando um pedido de socorro e ajuda ao nosso Anjo da Guarda:

  • Meu Anjo da Guarda, me retire de qualquer situação embaraçosa, comprometedora e me ajude na busca da salvação e santificação. Sou fraco e incompetente, peco e erro, sou pequeno e não tenho a capacidade de amar como deveria a meus semelhantes. Ajude-me a conquistar o caminho do amor de Deus Pai, Deus Filho e o Espírito Santo, bem como da Sagrada Família e dos Santos e Santas.

  • Com o seu amor oriente e socorra-nos a todo momento, incansável filhos do Criador!

  • Amém!

Anjo da guarda. Quem são?
Por: Vivaldo Armelin Júnior

1. Os Anjos são assistentes e mensageiros de Deus. Esses mensageiros e assistentes tem grande importância para nós Católicos por serem o nosso contato com Deus Pai e Deus Filho.
2. No geral e pela tradição, os Anjos são caracterizados como seres alados e são citados tanto no Antigo Testamento, bem como no Novo Testamento, no entanto os registros bíblicos são pouco detalhistas quanto as suas aparências. Tem um outro papel muito importante perante aos seres humanos como ministradores das vontades de Deus. São dedicados a Deus Pai e Deus Filho, são sábios, possuem poderes e santidade, obedientes e pacientes.
3. O Anjo da Guarda são aqueles que nos acompanham durante a nossa passagem por esse planeta e tem a função de nos proteger, ajudar, orientar, guardar, mas não podem interferir no livre arbítrio. Nos acompanham a todo momento.

• Tenho um Anjo da Guarda?
Por: Vivaldo Armelin Júnior

  • Meu amigo ou amiga, ouvi a pouco tempo uma grande bobagem sobre estes seres que são grandes auxiliares de Deus e que nos guardam. A pessoa afirmava que a Igreja Católica não mais tinha Anjos, pois o Papa havia dito que eles não existem. O saudoso Papa João Paulo II, em vários momentos deu destaque aos Anjos e confirmou a suas existências, pois aparecem nas Sagradas Escrituras, foram citados por Jesus.

  • É difícil perceber que tem pessoas nos nossos dias com tanta vontade de denegrir e destruir a Santa Igreja Católica que até inventam mentiras para que as pessoas menos informadas tenham a impressão de que tudo que acreditou a vida toda está sendo jogado fora.

  • O atual Papa, Bento XVI também reforçou a existência de um Anjo da Guarda.

  • Tem pessoas que dizem não existir essa proteção porque muita gente se fere gravemente, morre ou sofre grave acidente.

  • Deus, na criação, nos deu o livre arbítrio, não somos robôs controlados por Deus e os seus servos Anjos da Guarda. Muitas vezes eles não podem interferir, o destino está escrito. A todo momento ouvimos dizer que alguém sobreviveu milagrosamente a um acidente. Será que esses acontecimentos são todos meras casualidades? Será que a mão do Anjo da Guarda, orientada pela mão de Deus não foi o responsável por evitar um ferimento grave ou a morte?

  • Pense, ou melhor, reflita!

Anjo da Guarda, filhos de Deus!
Por: Vivaldo Armelin Júnior

  • Os anjos da guarda, como todos os demais anjos e suas ordens, são filhos de Deus, são criaturas do Pai, como nós mortais. Eles também devem obediência, fazem suas orações e são dedicados a Ele. São exemplos de amor e fé no Pai Celestial e nos guiam, mas respeitam o livre arbítrio e os desígnios de Deus.

  • Eles conhecem a Santíssima Trindade e seus mistérios, por essa razão, em várias oportunidades, as revelaram por ordem de Deus, como o fizeram antes da destruição de Sodoma e Gomorra, com Maria, com José, Jacinta, Lúcia e Francisco, entre tantas outras aparições de Nossa Senhora.

  • Os anjos não tem preconceito, inveja, arrogância, não são ignorantes em suas ações e fazem de tudo para que sejamos salvos. No entanto nós humanos temos uma arrogância gigantesca, somos invejosos e preconceituosos.

  • Quando crescermos e nos tornarmos mais humanos estaremos nos aproximando dos anjos e seus exemplos, no entanto, isso está um pouco longe nos nossos dias, pois muitos de nós desejamos o aborto, a eutanásia e outros crimes contra a humanidade.

  • Somos pecadores, infiéis e pouco fazemos por nossos semelhantes. Os anjos, por sua vez, são unidos, todos se ajudam e seguem o que Deus nos ensinou e ensina.

  • Por quê?

  • Pense, analise, reflita e conclua!

• Anjo da Guarda, filhos de Deus!

  • Os anjos da guarda, como todos os demais anjos e suas ordens, são filhos de Deus, são criaturas do Pai, como nós mortais. Eles também devem obediência, fazem suas orações e são dedicados a Ele. São exemplos de amor e fé no Pai Celestial e nos guiam, mas respeitam o livre arbítrio e os desígnios de Deus.

  • Eles conhecem a Santíssima Trindade e seus mistérios, por essa razão, em várias oportunidades, as revelaram por ordem de Deus, como o fizeram antes da destruição de Sodoma e Gomorra, com Maria, com José, Jacinta, Lúcia e Francisco, entre tantas outras aparições de Nossa Senhora.

  • Os anjos não tem preconceito, inveja, arrogância, não são ignorantes em suas ações e fazem de tudo para que sejamos salvos. No entanto nós humanos temos uma arrogância gigantesca, somos invejosos e preconceituosos.

  • Quando crescermos e nos tornarmos mais humanos estaremos nos aproximando dos anjos e seus exemplos, no entanto, isso está um pouco longe nos nossos dias, pois muitos de nós desejamos o aborto, a eutanásia e outros crimes contra a humanidade.

  • Somos pecadores, infiéis e pouco fazemos por nossos semelhantes. Os anjos, por sua vez, são unidos, todos se ajudam e seguem o que Deus nos ensinou e ensina.

  • Por quê?

  • Pense, analise, reflita e conclua!

Um momento com o nosso Anjo da Guarda
Por: Vivaldo Armelin Júnior

  • O Anjo da Guarda é o servo de Deus e o ente celestial mais próximo do ser humano. É aquele que nos guarda e protege, nosso contato direto com Deus Pai, Deus Filho e o Espírito Santo, ou seja com a Santíssima Trindade.

  • Por esse motivo, nós mortais e pecadores, precisamos aprender a interpretar as mensagens do nosso Anjo da Guarda. É difícil ser correto o tempo todo, mas como não somos infalíveis a exemplo da Santíssima Trindade precisamos de tua ajuda. Por esse motivo estamos publicando um pedido de socorro e ajuda ao nosso Anjo da Guarda:

  • Meu Anjo da Guarda, me retire de qualquer situação embaraçosa, comprometedora e me ajude na busca da salvação e santificação. Sou fraco e incompetente, peco e erro, sou pequeno e não tenho a capacidade de amar como deveria a meus semelhantes. Ajude-me a conquistar o caminho do amor de Deus Pai, Deus Filho e o Espírito Santo, bem como da Sagrada Família e dos Santos e Santas.

  • Com o seu amor oriente e socorra-nos a todo momento, incansável filhos do Criador!

  • Amém!

Anjo da guarda. Quem são?
Por: Vivaldo Armelin Júnior

1. Os Anjos são assistentes e mensageiros de Deus. Esses mensageiros e assistentes tem grande importância para nós Católicos por serem o nosso contato com Deus Pai e Deus Filho.
2. No geral e pela tradição, os Anjos são caracterizados como seres alados e são citados tanto no Antigo Testamento, bem como no Novo Testamento, no entanto os registros bíblicos são pouco detalhistas quanto as suas aparências. Tem um outro papel muito importante perante aos seres humanos como ministradores das vontades de Deus. São dedicados a Deus Pai e Deus Filho, são sábios, possuem poderes e santidade, obedientes e pacientes.
3. O Anjo da Guarda são aqueles que nos acompanham durante a nossa passagem por esse planeta e tem a função de nos proteger, ajudar, orientar, guardar, mas não podem interferir no livre arbítrio. Nos acompanham a todo momento.

• Tenho um Anjo da Guarda?
Por: Vivaldo Armelin Júnior

  • Meu amigo ou amiga, ouvi a pouco tempo uma grande bobagem sobre estes seres que são grandes auxiliares de Deus e que nos guardam. A pessoa afirmava que a Igreja Católica não mais tinha Anjos, pois o Papa havia dito que eles não existem. O saudoso Papa João Paulo II, em vários momentos deu destaque aos Anjos e confirmou a suas existências, pois aparecem nas Sagradas Escrituras, foram citados por Jesus.

  • É difícil perceber que tem pessoas nos nossos dias com tanta vontade de denegrir e destruir a Santa Igreja Católica que até inventam mentiras para que as pessoas menos informadas tenham a impressão de que tudo que acreditou a vida toda está sendo jogado fora.

  • O atual Papa, Bento XVI também reforçou a existência de um Anjo da Guarda.

  • Tem pessoas que dizem não existir essa proteção porque muita gente se fere gravemente, morre ou sofre grave acidente.

  • Deus, na criação, nos deu o livre arbítrio, não somos robôs controlados por Deus e os seus servos Anjos da Guarda. Muitas vezes eles não podem interferir, o destino está escrito. A todo momento ouvimos dizer que alguém sobreviveu milagrosamente a um acidente. Será que esses acontecimentos são todos meras casualidades? Será que a mão do Anjo da Guarda, orientada pela mão de Deus não foi o responsável por evitar um ferimento grave ou a morte?

  • Pense, ou melhor, reflita!

Anjo da Guarda, filhos de Deus!
Por: Vivaldo Armelin Júnior

  • Os anjos da guarda, como todos os demais anjos e suas ordens, são filhos de Deus, são criaturas do Pai, como nós mortais. Eles também devem obediência, fazem suas orações e são dedicados a Ele. São exemplos de amor e fé no Pai Celestial e nos guiam, mas respeitam o livre arbítrio e os desígnios de Deus.

  • Eles conhecem a Santíssima Trindade e seus mistérios, por essa razão, em várias oportunidades, as revelaram por ordem de Deus, como o fizeram antes da destruição de Sodoma e Gomorra, com Maria, com José, Jacinta, Lúcia e Francisco, entre tantas outras aparições de Nossa Senhora.

  • Os anjos não tem preconceito, inveja, arrogância, não são ignorantes em suas ações e fazem de tudo para que sejamos salvos. No entanto nós humanos temos uma arrogância gigantesca, somos invejosos e preconceituosos.

  • Quando crescermos e nos tornarmos mais humanos estaremos nos aproximando dos anjos e seus exemplos, no entanto, isso está um pouco longe nos nossos dias, pois muitos de nós desejamos o aborto, a eutanásia e outros crimes contra a humanidade.

  • Somos pecadores, infiéis e pouco fazemos por nossos semelhantes. Os anjos, por sua vez, são unidos, todos se ajudam e seguem o que Deus nos ensinou e ensina.

  • Por quê?

  • Pense, analise, reflita e conclua!

Voltar para o conteúdo